Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Frio e seca não detêm o avanço da dengue em Dourados

15 Ago 2007 - 13h24
 

O frio e a seca não impediram o avanço da dengue na cidade de Dourados, onde, segundo a Vigilância Epidemiológica, foram notificados 42 casos entre junho e agosto e 25 deram positivos para a doença. No ano, a cidade já registrou cerca de quatro mil casos positivos com quatro mortes, enquanto o Estado fechou o semestre com mais de 71 mil casos de dengue e uma dezena de mortes.

O enfermeiro Roberto Oliveira, da Vigilância Sanitária em Dourados, lembra que a recente epidemia também mostra que é necessário combater a dengue durante o ano todo. "A população tem um papel fundamental, ajudando a eliminar os criadouros do vetor Aedes aegypti como seguindo orientações e buscando socorro junto ao serviço e Saúde", disse.

Segundo a bióloga Magda Fernandes, coordenadora do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), a certeza da ocorrência de uma nova onda epidêmica a partir de setembro é consenso, já que é baixa a relação entre a população do município e as pessoas acometidas com o vírus III. O trabalho de mobilização dos agentes de saúde prossegue sem interrupção em bairros de Dourados com índices de infestação próximos a 1%, sendo que o percentual indica que um a cada 100 imóveis vistoriados tem foco do mosquito.

Segundo o infectologista e consultor do Ministério da Saúde, Rivaldo Venâncio, a grande lição que se tira é "que se não puder evitar a epidemia, pode-se, pelo menos, evitar ou minimizar as mortes", através de triagem eficiente no atendimento ao paciente com suspeita de dengue, para evitar complicações, como a febre hemorrágica e a neurológica, que afeta os movimentos das pernas.

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'