Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 16 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Fies deve ter 250 mil candidatos para 2005

17 Set 2004 - 11h09
A Caixa Econômica Federal (CEF) encerra nesta sexta-feira as incrições para o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) e o coordenador geral do programa, Leonel Cunha, acredita que aproximadamente 250 mil estudantes devem concorrer a uma das 50 mil vagas oferecidas neste ano.

A previsão não impressiona o coordenador. "Ficou abaixo do que registramos no ano passado", comentou. Em 2003, cerca de 290 mil estudantes disputaram uma vaga no programa. Naquela oportunidade, o prazo de inscrição foi de 40 dias. Neste ano, o prazo terminou em 33 dias.

Iniciativa do governo federal, o Fies financia até 70% do valor da mensalidade. Além disso, os contemplados pagam sobre o valor total financiado juros de 9% ao ano. Atualmente, o programa proporciona estudo para 163 mil pessoas e o governo vai desembolsar, em 2004, R$ 655 milhões.

Trâmites

O nome de todos os candidatos inscritos no programa deve aparecer na lista que será divulgada em 24 de setembro pelo Ministério da Educação. Se isso não acontecer, o candidato deve procurar a sua faculdade ou universidade para corrigir o erro.

No dia 30 de setembro, o ministério vai divulgar a lista definitiva com todos os inscritos no programa. Em 5 de outubro, será a divulgação do nome daqueles contemplados com o financiamento.

O nome acompanhado pela informação "classificado dentro da margem de recurso" indicará que o candidato está selecionado para o programa. Caso contrário, se aparecer classificado fora da margem de recurso, o candidato não obteve sucesso.

De acordo com Leonel Cunha, todas as listas serão publicadas no site do Ministério da Educação e também afixadas nas faculdades e universidades participantes do programa.

Comprovação

Os candidatos aprovados precisam comprovar as informações prestadas no momento de preencher a ficha de inscrição. Essa comprovação ocorre na comissão permanente de seleção e acompanhamento do ministério.

Grupos avaliadores, que funcionam em cada uma das universidades ou faculdades particulares participantes do programa, são compostos por dois funcionários, dois estudantes e um professor.

A pessoa deve informar o número de registro no Cadastro de Pessoa Física CPF, mas não precisa mais de fiador para participar do processo de seleção. Entretanto, o estudante tem de comprovar a falta de recursos para arcar com as mensalidades de seu curso.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA
“Tentei socorrer ele, mas não deu certo”: conta filho de motociclista levado por enxurrada
FURIA DA NATUREZA
Enxurrada derruba casa e provoca pânico e destruição
NOVELA GLOBAL
Gabriel e Valentina viram inimigos mortais em 'O sétimo guardião'
REALITY SHOW
BBB 19 começa hoje. Na Rocinha Casa de Darnrley vira "QG" de Torcida
POSSE DE ARMAS
Bolsonaro assina nesta terça-feira decreto que facilita posse de armas
HEROINA
Professora Helley, que salvou crianças de incêndio em Janaúba, é homenageada e dá nome a rodovia
FAMOSIDADES
Doente, José Mayer foi esquecido pela Globo e abandonado por ‘Amigos’
NOVA LEI
Motoristas condenados por contrabando vão perder a CNH por cinco anos
SUCATA
Jovem transforma pneus velhos em lindas caminhas para pets.
ENTRETENIMENTO
Com direito a uniforme e crachá, “cão frentista” viraliza e ganha milhares de fãs