Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Entra em vigor nova lei de defesa sanitária animal em MS

30 Jun 2010 - 12h58Por Noticias MS

A partir desta quinta-feira, dia 1° de julho, entra em vigor a nova lei de defesa sanitária animal em Mato Grosso do Sul. Feita em “parceria” com o setor produtivo e o governo do Estado, a Lei n.º 3.823 é um instrumento que flexibiliza os direitos e deveres das partes – produtores e órgão de defesa – contribuindo ainda para a criação de um canal de conscientização entre as partes envolvidas.

 

 

          A nova versão da Lei disciplina de modo abrangente as matérias relativas a defesa sanitária animal no Estado uma vez que a Lei n. 1.953, de abril de 1999, era extremamente sucinta deixando de regular diversos assuntos de interesse setorial. Entre os avanços da Lei está a criação de um canal de conscientização com a adoção de palestras sócio-educativas, além de flexibilizar ao produtor/empresário a liberdade de ele mesmo gerir as atividades dos estabelecimentos pecuários e outros, apoiado por um responsável técnico.

 

 

          Outro importante avanço estabelecido pela nova Lei é quanto a implementação e reativação do Conselho Estadual de Saúde Animal (CESA) e também do Grupo de Atenção a Suspeita de Enfermidades Emergenciais (GEASE), que além de levar as partes envolvidas o conteúdo prático da Lei também propõe solucionar possíveis impactos sanitários entre outras deficiências que os municípios possam vir a apresentar.

 

 

          A primeira redação teve início em 2007 sendo levada a Assembleia Legislativa para apreciação no ano seguinte. A pedido do governo do Estado a versão foi tirada de pauta para novas discussões, o que ocorreu durante o ano de 2009 com a participação de técnicos da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) e Sindicato Rural de Campo Grande representando, por tanto, a média das aspirações. Nos últimos meses a Lei foi novamente apreciada pela Assembleia Legislativa e dessa vez sancionada pelo governador André Puccinelli, sendo publicada no dia 22 de dezembro de 2009 na edição n.º 7.609 do Diário Oficial do Estado.  

 

 

            Sobre a lei

         

         A Lei n.º 3.823 institui a defesa sanitária animal no Estado de Mato Grosso do Sul e dispõe também sobre matérias correlatas. Passam a integrar o conteúdo normativo, além das definições da mesma, “os Órgãos de Deliberação Coletiva”; “o Grupo Especial de Atenção à Suspeita de Enfermidades Emergenciais ou Exóticas” e o “Serviço de Inspeção e Fiscalização Sanitária do Estado”; “os Deveres Instrumentais do Administrado e da Inidoneidade de Documentos”; “a Redução do Valor da Multa, do Parcelamento e da Atualização de Débito”; “a Indenização de Pessoa, da Reparação de Dano e da Modalidade Especial de Pagamento de Multa”; “as Medidas Socioeducativas”; “o Prazo de Validade do Instrumento do Mandato e dos Atos na Sucessão Causa Mortis” e “o Dever de Sigilo”. Conheça a íntegra da nova lei acessando  www.seprotur.ms.gov.br/controle/ShowFile.php?id=63886.  

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes