Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Dólar fecha estável Bovespa ultrapassa os 22 mil pontos

14 Set 2004 - 16h03

À espera da decisão do Copom sobre a taxa de juros e com o fluxo favorável de capitais, dada as recentes emissões privadas no mercado, o dólar comercial fechou os negócios desta terça-feira estável. A moeda estrangeira terminou cotada a R$ 2,908 na compra e R$ 2,91 na venda, mesma cotação da segunda-feira. Às 16h40, a Bovespa registrava alta de 2,31%, somando 22.3131 pontos.

No mercado cambial, analistas afirmavam que ingresso de recursos e a expectativa de mais fluxo favorável com as recentes captações externas limitaram uma pressão maior.

A expectativa em torno da decisão Copom com relação ao rumo do juro básico brasileiro também contribuiu para a retração dos investidores.

Após perder 3,2% nos últimos três pregões, a Bovespa subia nesta terça-feira, atenta à melhora do mercado de juros na véspera da decisão do Copom sobre a Selic.

Na BM&F, os contratos mais longos de juro exibiam leve melhora. A taxa projetada pelo DI janeiro 2005 recuava de 16,87% do fechamento anterior para 16,78%.

 
Invertia

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai