Menu
SADER_FULL
sexta, 19 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Dirceu diz que posição no IDH reflete governo FHC

15 Jul 2004 - 16h00
 
O ministro da Casa Civil, José Dirceu, comentou hoje que a 72ª colocação do Brasil na lista do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) se deve ao governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. "Isso reflete os oito anos do governo Fernando Henrique, mas o país não deve olhar para trás, deve olhar para o futuro", disse o ministro hoje durante a 1ª Conferência Nacional de Política Públicas para Mulheres, em Brasília.
 
De acordo com Dirceu, nos últimos 18 meses do governo Lula, houve investimento na área social. "Se olharmos a execução do orçamento do país, nos últimos 18 meses, vamos ver investimentos em saneamento, educação, combate à fome. Vamos verificar o aumento (dos investimentos) de maneira expressiva. Acredito que há condições de o IDH melhorar muito", afirmou.

MEC rebate acusações
O secretário de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do Ministério da Educação, Ricardo Henriques, rebateu hoje as acusações de motivação política por parte do governo Lula ao informar dados sobre analfabetismo para o relatório de desenvolvimento humano do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

O ex-ministro da educação do governo Fernando Henrique Cardoso, Paulo Renato Souza, acusou o Governo Federal de manipular os dados da educação para "esconder os avanços sociais registrados durante o governo passado".

Ricardo Henriques classificou a acusação de infundada, injustificada e injusta. Segundo o secretário, o Brasil teria caído três posições (da 65ª para a 68ª) no ranking de desenvolvimento humano mesmo que o governo tivesse informado a taxa de analfabetismo relativa ao ano de 2002.

Como o Brasil informou a taxa de 2000, o país caiu sete posições (da 65ª para a 72ª). O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) foi o órgão do governo que repassou a informação ao PNUD. A taxa de analfabetismo foi informada à Unesco, responsável pela centralização dos dados de educação para o relatório.

O relatório de desenvolvimento humano é divulgado anualmente e usa dados de dois anos atrás. O relatório de 2004, portanto, é feito com base em estatísticas de 2002, da mesma forma que o relatório do ano passado utilizou estatísticas de 2001.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Jair Bolsonaro teria causado a separação de Neymar e Bruna Marquezine
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'
MOTIVO FUTIL
Camera ajuda na indentificação de Homem que confessa ter matado mulher após falhar na "Hora H"
A CASA CAIU
Rapaz é agredido pelas sete namoradas que descobriram traição
SEGUNDO SOL
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher'
DEFICITÁRIAS
Correios fecham 02 agências no MS e 39 no país
VICENTINA - LEILÃO ELETRÔNICO
Justiça realizará leilão eletrônico de imóveis urbanos e trator de VICENTINA