Menu
SADER_FULL
segunda, 22 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Dez escolas seguem fechadas em favelas do Rio de Janeiro

7 Jul 2004 - 16h59
Dez escolas em Senador Camará, zona oeste do Rio de Janeiro, seguem sem ter aulas nesta quarta-feira devido à guerra pelo controle do tráfico em três favelas. O conflito, que teve início na última sexta-feira, provocou a morte de três pessoas e o fechamento de pelo menos 17 escolas da região.

O subsecretário da Segurança Pública Marcelo Itagiba disse hoje que a polícia reforçou a segurança em Senador Camará. No entanto, cerca de cinco mil alunos estão sem aulas desde segunda-feira devido ao medo.

Traficantes da favela do Rebu e da Coréia, ligados ao grupo rival Terceiro Comando (TC), tentam invadir a favela do Sapo, da facção criminosa Comando Vermelho (CV).

No Morro do Adeus, em Ramos, a situação está tranqüila hoje. No fim de semana traficantes rivais travaram uma guerra pela disputa dos pontos de droga depois da morte do chefe do tráfico no local. Segundo o comandante do 22º BPM (Maré) coronel Álvaro Garcia, policiais militares estão ocupando os acessos do morro. As escolas e o comércio estão abertos, mas com freqüência e movimento baixos.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

DISPUTA ACIRRADA
Vox Populi: Distância cai para 6 pontos
AGRESSÃO
Justiça manda penhorar bens de Dado Dolabella para pagar indenização a camareira agredida
HOMICÍDIO - 17 TIROS
Empresário é morto com 17 tiros; acusados estão detidos
ACIDENTE DE TRANSITO
Carros capotam após batida; criança de 5 anos ficou ferida
POLITICA
TSE abre investigação para apurar suposto crime eleitoral de Bolsonaro
FAMOSIDADES
Jair Bolsonaro teria causado a separação de Neymar e Bruna Marquezine
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'