Menu
SADER_FULL
sábado, 19 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Cuca pede demissão e Grêmio se complica mais

27 Out 2004 - 13h33
Após a derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro, o técnico Cuca pediu demissão nesta quarta-feira no Grêmio.

A diretoria do clube gaúcho vai tentar convencer o treinador a mudar de idéia, mas o mais provavél é que toda a comissão técnica vá mesmo embora.

Restando apenas oito rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, o Grêmio é o penúltimo colocado na tabela de classificação.

Cuca ficou apenas um mês e meio no comando do time gaúcho. Desde a estréia no dia 12 de setembro, foram seis derrotas, um empate e duas vitórias.

A missão de escapar do rebaixamento já era complicada e ficou ainda mais com uma nova troca de comando.

Com a saída de Cuca, o Grêmio irá acertar com Cláudio Duarte ou vai efetivar Beto Almeida como treinador.

Beto tem experiência em clubes do interior e chegou a dirigir o grupo, quando Adilson Batista foi demitido. Na ocasião, Beto foi muito elogiado pelos atletas. No momento, ele trabalha no departamento amador.

No desembarque em Porto Alegre, às 13h, a delegação entrou direto num ônibus que esperava na pista do aeroporto Salgado Filho.

No saguão, havia 50 seguranças, entre o pessoal do clube, da Infraero e da Brigada Militar, para prevenir manifestações violentas da torcida.

Reunião

Nesta tarde, Cuca se reúne com o vice-presidente de futebol, Hélio Dourado, para confirmar sua decisão. "Ele não disse nada para a gente. Vamos esperar", afirmou o volante Cocito.

O goleiro Márcio desconhece o assunto. "Tô sabendo por vocês da imprensa. O Cuca não comunicou a gente", ressaltou. O atacante Cláudio acha que os resultados complicaram a situação. "As vitórias não vieram. Não sei se é bom trocar agora", declarou.

Em Belo Horizonte, antes do embarque, Cuca esbravejou quando foi procurado pela imprensa. "Não tenho mais nada para falar. Vocês têm que perguntar para eles. Pode dizer aí que eu entreguei o cargo", afirmou, apontando para os dirigentes do outro lado da sala. "Quero que ele diga isso para mim. Vamos aguardar", definiu Dourado.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS