Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 26 de maio de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Cresce a exportação de frutas frescas brasileiras

24 Jul 2007 - 09h38

A receita com as exportação de frutas frescas cresceu quase 14% no primeiro semestre de 2007, em comparação com o mesmo período do ano passado. De janeiro a junho, o setor vendeu US$ 372,5 milhões. Foram embarcadas 372 mil toneladas, um aumento de mais 30% no volume de exportação de frutas.

Segundo o Ibraf (Instituto Brasileiro de Frutas), as exportações vêm crescendo a uma taxa média de 19,9% desde 1998. De acordo com a instituição, o setor tem conseguido bom resultado este ano, apesar da desvalorização do dólar e do aumento dos custos de produção verificada nos últimos anos, principalmente por causa dos contínuos reajustes nos preços dos fretes.

"Mesmo com o câmbio desfavorável para algumas variedades de frutas, o setor conseguiu assegurar maior lucratividade ampliando as exportações para mercado europeus, que tem o Euro como moeda", afirmou Moacyr Saraiva Fernandes, presidente do Ibraf.

Segundo ele, os empresários do setor estão satisfeitos com o incrementos nas vendas, mas querem diversificar os mercados consumidores de frutas tropicais. Desde o último dia 16, o Ibraf, em parceria com a Agência de Promoção das Exportações (Apex), está realizando rodadas de negócios com representantes do Canadá, Itália, França e República Tcheca.

De olho nesses novos mercados, os produtores correm para se adequar às exigências internacionais. As entidades representativas e de promoção dos produtos brasileiros no exterior estão investindo no marketing, além de incentivar a capacitação dos trabalhadores.

"Estamos promovendo uma estratégia de divulgação junto a turistas estrangeiros que entram no país pelos aeroportos do Rio de Janeiro, São Paulo, Recife e Fortaleza. Todo turista – nas épocas de maior fluxo – ao chegar nestas cidades pode experimentar as frutas ou sucos produzidos no Brasil", disse.

A cadeia produtiva da fruticultura é um dos setores exportadores mais organizados. Com as ações em parceria com a Apex, conseguiu elevar o Brasil da categoria de importador à de exportador em menos de 10 anos. A balança comercial saiu de um saldo negativo de US$ 106 milhões, em 1998, para um saldo positivo de US$ 292 milhões no ano passado.

 

 

Gazeta Mercantil

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - VISITA ILUSTRE
Em Bonito (MS), Miss Brasil Júlia Horta destaca 'A energia daqui é inexplicável'
COISA DE DOIDO
Sucuri ataca bombeiro durante resgate em SP; assista!
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Governo dobra vagas de concurso da PF e convocações saem no fim do ano
FEMINICIDIO
Mulher é morta com 75 facadas pelo ex-marido após 25 anos de casamento
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
'Peguei meu filho e achei que estivesse morto', diz mãe de criança dopada em creche
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Confira o que tá na promoção que vai até este sábado no O Boticário em Fátima do Sul
BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Visite Bonito (MS) na baixa temporada, saiba o porquê!
FÁTIMA DO SUL - TRATAMENTO COACH
De Nova Andradina, Vanessa recupera autoestima com tratamento 'Coach' Célia Tenório de Fátima do Sul
CASA BOCA SUJA
morador instala placas com palavrões nos muros de casa
MACABRO
Mulher é encontrada morta ao lado de uma oferenda