Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 20 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Crédito sem taxa de aval ficará mais barato ao produtor

17 Ago 2004 - 13h27
A CPR (Cédula do Produtor Rural) a partir deste mês começa a ser operacionalizada com recursos livres e da poupança rural, sem a taxa de aval, usada por 10 anos pelo Banco do Brasil. A taxa oscilava de R$ 0,65% a 0,55%. Sem ela, os custos para o produtor ficarão menores, de 1,5% e 1,7% ao mês, inferior à taxa de 2,25% do mercado. Com as CPRs em carteira, o banco espera alavancar até R$ 4 bilhões em recursos novos para financiar o setor rural em âmbito nacional.
Até o início de agosto, o Banco do Brasil liberou R$ 136,4 milhões em crédito da CPR (Cédula do Produtor Rural) em Mato Grosso do Sul, crescimento de 35% em relação ao montante de todo o ano passado, de R$ 101 milhões, segundo gerente de Agronegócios da superintendência estadual, Carlos Werner. O prazo para liquidação dos contratos varia podendo chegar a um ano e em 90% dos casos é feita com dinheiro e não com entrega de produtos.
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS