Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 25 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Congresso discute temas sobre desenvolvimento econômico e social

23 Jul 2007 - 15h39
A Associação Nacional de Factoring (Anfac) e os Sinfacs - Sindicatos das Sociedades de Factoring e Fomento de Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul promovem o III Congresso Sul Brasileiro de Fomento Mercantil entre os dias 05 e 08 de setembro, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande. O evento é bienal, de âmbito nacional e reunirá 15 personalidades de renome no mercado para tratar de assuntos pertinentes ao desenvolvimento econômico e social do Brasil.
A intenção do Congresso é abrir a discussão sobre o fomento mercantil, nome dado a atividade de factoring para a sociedade. A alteração da aplicação do termo é justamente pela dimensão do setor, segundo o presidente do Congresso, Rubens Filinto da Silva, as discussões vão permitir que os participantes saibam do alcance do fomento mercantil, em suas diversas formas de aplicação, e como é possível estimular o crescimento nacional. "Hoje temos muitos exemplos de sucesso, onde através de ações de fomento, as empresas conseguiram sanear os empreendimentos, permitindo a manutenção de produções que pareciam condenadas, salvando empregos e gerando renda para o Brasil", afirma Filinto.
Ainda de acordo com o presidente, a atividade é pouco conhecida do grande público no País, é preciso abrir o acesso às informações de como atuar em parceria com empresas que podem dar consultoria, apoio ou até mesmo sustentação mercadológica para as empresas dos mais variados portes. "Qualquer empresário pode se beneficiar com ações de fomento mercantil, pois muitas vezes, as opções bancárias não alcançam as necessidades do negócio e impossibilitam a atuação", diz o presidente.
Os palestrantes e a abordagem foram, criteriosamente, escolhidos para dar maior abrangência ao tema central, já na abertura do evento, às 9h30 do dia 05 de setembro, o presidente da Anfac, Luiz Lemos Leite autor do livro "Factoring no Brasil" fala a atividade no País. Neste momento, ele faz uma exposição histórica sobre o crescimento da atividade do País e suas diversas possibilidades. A palestra irá preparar os participantes para os demais temas que irão aprofundar o assunto ao longo do Congresso, que terá nomes como o ex-ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, o navegador Amyr Klink e o professor, Luiz Marins.
Exposição
Além de palestras técnica, o evento pretende também estimular negócios e troca de experiência entre os participantes. A organização está preparando uma exposição, que irá funcionar paralelamente à programação do Congresso. Em todo o saguão do Centro de Convenções serão dispostos estandes para empresas inscritas apresentarem seus serviços e produtos.
O espaço também será uma oportunidade para o acesso a bibliografias importantes para conhecer melhor a atividade, sem contar com o convívio com algumas das maiores autoridades do assunto em nível nacional.
As inscrições são abertas a pessoas física e jurídica de qualquer ramo de atuação e também aos acadêmicos de diversas áreas. Os interessados podem se informar pelo site www.sinfac-ms.com.br/congresso ou pelo telefone 3341-6900.

Deixe seu Comentário

Leia Também

A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil
TURISMO
Curtir a Cidade Maravilhosa com pacotes de viagens baratos
FUTEBOL - PAIXÃO NACIONAL
Uma estrutura confiável para resultados de futebol
POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção