Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 18 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Comissão da AL vai à Aneel denunciar reajustes abusivos da Enersul

15 Mai 2007 - 14h06

O presidente da Assembléia Legislativa, deputado estadual Jerson Domingos (PMDB), vai designar até amanhã uma comissão de parlamentares estaduais que vai a Brasília (DF) para questionar a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) sobre os aumentos abusivos que estariam sendo cobrados pela Enersul na tarifa de energia do setor industrial em Mato Grosso do Sul. Segundo informou agora há pouco ao Midiamax o deputado estadual Youssif Domingos (PMDB), líder do Governo na Casa de Leis, na reunião desta manhã de terça-feira o presidente dividiu sua preocupação com todos os parlamentares e solicitou que todos se empenhem em busca de alternativas para solucionar o problema ainda neste ano.

"O presidente demonstrou muita preocupação com os prejuízos que esta atitude da Enersul está ocasionando ao Estado, sobretudo ao setor industrial", disse Youssif, lembrando que pela determinação da Aneel o reajuste na tarifa de energia industrial deveria ser de 2,58% e a Enersul teria aplicado um reajuste de 9%. O reajuste vem sendo considerado abusivo pelos 4,1 mil consumidores industriais de Mato Grosso do Sul.

O deputado Youssif Domingos lembrou que o governador André Puccinelli (PMDB) já havia solicitado para a Aneel uma auditoria extraordinária nas tarifas da Enersul desde a época de sua privatização. "Essa comissão da Assembléia também vai cobrar da Aneel os resultados dessas auditorias, se é que elas foram realizadas", disse o deputado peemedebista, lembrando que a comissão a ser designada pelo presidente Jerson Domingos terá o apoio da bancada federal, a exemplo do que ocorreu no mês passado, quando acompanharam o governador em visita à Aneel.

Por enquanto, conforme Youssif, está descartada a criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apurar se houve abuso por parte da empresa, pois os parlamentares vão aguardar o resultado da reunião com a Aneel. No entanto, caso a comissão não se obtenha sucesso, a CPI pode ser criada pela Assembléia Legislativa.

 

 

AL/MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares