Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 18 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Badeca lança o Programa Profuncionário MS na rede estadual

21 Mai 2007 - 10h38

A secretária estadual de Educação , Maria Nilene Badeca da Costa, visitou 11 escolas estaduais de Dourados, Ponta Porã, Laguna Caarapã e Sangapuitã, no período de 16, 17 e 18 de maio, para lançar o Programa Profuncionário MS. Em Ponta Porã, onde estiveram presentes as autoridades locais e 300 funcionários administrativos que receberão cursos técnicos em secretaria escolar, alimentação escolar, multimeios didáticos e em infra-estrutura.

Inicialmente, os municípios contemplados serão os de Ponta Porã, Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. Durante o lançamento do programa, a escola anfitriã homenageou a secretária, filha da terra, com músicas executadas por um coral de alunos do ensino fundamental que interpretaram as melodias em LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais).

Os servidores administrativos demonstraram muita felicidade em serem lembrados e valorizados por essa iniciativa da Secretaria Estadual de Educação, pois, segundo eles, nunca tiveram capacitação desse porte.

 

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados