Menu
SADER_FULL
segunda, 22 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Assembléia promulga lei sobre queima da cana em MS

9 Mai 2007 - 10h37
A Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul, seguindo as normatizações da Lei 3.357 de 9 de janeiro de 2007, publicou, no Diário Oficial de hoje (9), as regras para redução da queima da palha de cana-de-açúcar no Estado. Pelos dispositivos apresentados, uma lei municipal deverá regular os procedimentos de acordo com situações distintas. 
 
Fica negada ou suspensa a queimada nos casos em que:
 
I) Forem constatados e comprovados: risco de vida humana, danos ambientais ou condições meteorológicas desfavoráveis;
II) Após o início do processo de queima ficar comprovado excesso de poluição do ar;
III) A fumaça exalada da queima puser em risco a visibilidade de vias públicas que possam prejudicar as operações aeronáuticas, rodoviárias e de outros meios de transporte.
 
As autorizações para as queimadas deverão ser expedidas pela prefeitura municipal, que vai definir os procedimentos a serem cumpridos pelos produtores rurais, respeitadas as leis federais, especialmente com relação às áreas de preservação permanente, reservas florestais, matas ciliares e quaisquer outras determinações do Ministério do Meio Ambiente ou outro órgão federal que regule o assunto.
 
 
 
 
Notícias.ms

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONCURSOS
Ao menos 12 órgãos abrem inscrições para preencher quase 800 vagas
VICENTINA SENDO REPRESENTADA NO RJ
Vicentina será representada no Internacional de Masters South América de Jiu-jitsu no Rio de Janeiro
POLITICA
'Falar que passa-se fome no Brasil é uma grande mentira', afirma Bolsonaro
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz se recusa a enxergar caráter de Josiane em 'A dona do pedaço'
REGIME SEMIABERTO
Goleiro Bruno deve sair da cadeia no fim da tarde desta sexta-feira
CASO RARO
Bezerro de seis patas chama atenção moradores de Santa Helena – Veja Vídeo
MONSTRUOSIDADE
Vizinho é preso suspeito de estuprar e estrangular menina de 8 anos
CASA PRÓPRIA
Recurso de R$ 1 bilhão é destinado ao Minha Casa, Minha Vida
VIDA SAUDÁVEL
Homem mais velho do Brasil falece no Rio de Janeiro
BASTA DE IMPRUDÊNCIA
Enlutada pelas mortes, população deixa faixa contra imprudência na PR-082