Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Adesão à greve dos bancários mantida em 60% em MS

29 Set 2004 - 17h47
O Sindicato dos Bancários de Campo Grande divulgou há pouco, que apesar de adesão de apenas 60% da categoria, a greve continua por tempo indeterminado na Capital. Conforme o vice-presidente do sindicato, José dos Santos Brito, apesar das liminares exigindo o funcionamento, enquanto durar a paralisação, o atendimento ao público, continuará sendo feito precariamente. Quanto à determinação da justiça de São Paulo de exigir que a categoria volte ao trabalho, Brito disse que nenhuma decisão nesse sentido foi tomada no município.
O que os trabalhadores de bancos públicos e privados querem é reajuste de 25%, além de gratificação fixa de R$ 30,00 para os trabalhadores que recebem até R$ 1,5. A Fenaban (Federação dos Bancos) oferece 8,5% de reajuste.
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai