Menu
SADER_FULL
domingo, 25 de julho de 2021
Busca
segurança pública

Indígenas debatem segurança com policiais do Brasil e do Paraguai

Com o intuito de discutir os problemas que afligem moradores da Aldeia Indígena Porto Lindo

26 Ago 2014 - 16h15Por Dourados News

Com o intuito de discutir os problemas que afligem moradores da Aldeia Indígena Porto Lindo e qual a melhor forma de solucioná-los, aconteceu na manhã de terça-feira (26), em encontro entre lideranças daquela comunidade, representantes da Fundação Nacional do Índio e policiais militares, entre eles o Capitão Joeder Martins, comandante do Terceiro Pelotão PM de Mundo Novo e a sub-tenente Maira Torres, comandante da PM em Japorã. O Tenente-Coronel Cesar Freitas Duarte, comandante do Décimo Segundo Batalhão da Polícia Militar e o Comissário Principal Juan Barua, chefe do Setor de Investigações de Delitos da Polícia Nacional do Paraguai, departamento de Canendeyú, que estava acompanhado pelo agente de investigações Rody Toralles, também se fizeram presentes no evento.

Durante a reunião, que teve o idioma guarani como língua oficial, já que tantos os moradores da Porto Lindo quanto os policiais paraguaios dominam o dialeto, os indígenas expuseram seus problemas pertinentes a questão da segurança pública e exaltaram a importância deste tipo de debate, que com a presença de policiais militares do Cone Sul e especialmente dos integrantes da Polícia do País vizinho, ganhou uma maior importância e passou a ter status de encontro internacional de segurança.

Tanto os líderes da Aldeia quanto os policiais que fizeram uso da palavra, destacaram à força do policiamento comunitário e do trabalho integrado entre as Policias Militar de Mato Grosso do Sul e Nacional do Paraguai.

Foram definidas algumas estratégias de combate a criminalidade dentro da Aldeia, que possui quase seis mil habitantes e que por estar situada nas proximidades da Linha Internacional, sofre com os crimes típicos de fronteira, tais como o tráfico de drogas e homicídios.

Esta reunião de autoridades policiais dos dois Países, é desdobramento de encontros anteriores, que ocorreram recentemente na sede do Ministério Público Federal em Dourados e na própria Porto Lindo, que foram essenciais para que a situação avançasse até o ponto em que agora está.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BOI MACONHA
BOI MACONHA: Mais de 02 toneladas de maconha é apreendido em caminhão boiadeiro
DEU RUIM
Ladrão causa curto-circuito ao furtar fios de um poste de energia em MS
TRABALHO ESCRAVO
Aliciamento de crianças: família de líderes religiosos é presa em operação da polícia
PAIXÃO PELA PM
Fã da Polícia Militar, pequeno João Guilherme ganha visita surpresa em aniversário
ATO OBSCENO
Homem é detido após entrar nu em culto evangélico
ACIDENTE FATAL
Homem de 48 anos morre ao cair de árvore quando tentava apanhar manga
ACIDENTE FATAL
Coordenadora de compras é encontrada morta caída ao lado de sua Honda Biz em MS
TRAIÇÃO
Vídeo: Mulher flagra marido com travesti dentro do carro e 'pancadaria come solta'
TRAGÉDIA NO RIO
Barco vira com nove pessoas matando 3 crianças e 3 adultos
REVOLTA
Mulher tem parte do rosto destruído por ataque de pitbull sem coleira; assista