Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de outubro de 2021
Busca
CRIME NA FRONTEIRA

Douradense estudante de Medicina é uma das vitimas assasinada em chacina na fronteira

9 Out 2021 - 14h10Por Dourados News e Ponta Porã News

As quatro pessoas executadas na madrugada deste sábado (9/10) na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Brasil através de Ponta Porã, foram identificadas. Uma delas, estudante de Medicina, era douradense. 

 

Conforme o Ponta Porã News, Kaline Reinoso, 21, era moradora em Dourados e cursava faculdade no país vizinho. 

Além dela, o crime vitimou ainda Haylee Carolina Acevedo Yunis, 21, filha do governador do Departamento de Amambay, Ronald Acevedo, além de Osmar Vicente Alvares Crance, 32, e outra estudante, Rhannye Jamilly. 

Outras duas pessoas ficaram feridas no ataque. Rafaelly Nascimento Alves, 20, e Fredy Alfonso Ayala, 24. 

Ambos precisaram ser encaminhados para hospitais da região e segundo o site, o estado de saúde deles não foi divulgado. 

A Polícia Nacional do Paraguai estima em mais de 100 disparos efetuados contra o grupo que deixou uma festa e bebia em frente ao local. 

Ainda conforme o Ponta Porã News, o alvo dos atiradores seria Osmar. 

Leia Também

Escola de Dourados DOURADOS - PÂNICO EM ESCOLA
Ameaça de massacre causa pânico em alunos de Escola em Dourados
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
ILEGALIDADE
Caçadores são multados em R$ 30 mil, presos com carcaças de jacarés e porte ilegal de armas em MS
ESTABELECIMENTO PENAL
Mais amplo, novo setor de saúde garante maior assistência a reeducandas do semiaberto da Capital
JATEÍ - MOTO RECUPERADA
Polícia Militar em Ipezal recupera moto Honda Broz furtada em Jateí
ASSUSTADOR - VÍDEO
Novo vídeo mostra momento em que árvore cai sobre veículo onde estava adolescente, em MS
ASSALTO Á MOTEL
Grupo armado invade motel de Dourados e faz 'um limpa' levando vários bens e um veículo
FATALIDADE
Homem morre após sofrer descarga elétrica de 34 mil volts em Ivinhema
JATEÍ - JATEÍ - FOGO CONTROLADO
Casa pega fogo e funcionário, bombeiros e populares evitam o pior em Jateí
INFRAÇÃO NAS REDES SOCIAIS
Postar infração de trânsito pode gerar multa de até R$ 30 mil e CNH cassada