Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 3 de agosto de 2021
Busca
Negócio milionário

Globo pagou 'luvas' para Corinthians e São Paulo, sugere estudo

29 Set 2014 - 14h15Por Uol

Principais armas da Globo para sustentar a audiência do futebol no maior mercado do país, Corinthians e São Paulo receberam luvas da emissora para ignorar propostas da Record e assinar contrato de cessão de direitos de imagem até 2018. É o que sugere uma detalhada análise econômico-financeira do futebol brasileiro feita pelo Itaú BBA, banco de atacado e investimentos do Grupo Itaú, um dos patrocinadores das transmissões de futebol da Globo.

Ao lado do Flamengo, maior receita do futebol com TV em 2013, o Corinthians ajudou a Globo a implodir o modelo vigente até 2011, em que uma entidade (o Clube dos 13) repassava cotas aos clubes. Para não correr o risco de perder os direitos para a Record ou RedeTV!, uma vez que o Clube dos 13 teve obrigatoriamente que fazer concorrência entre as TVs, a Globo passou a negociar diretamente com os clubes. O São Paulo era favorável a negociar com o Clube dos 13.

O novo acordo foi bom para o futebol. As receitas com TV saltaram de R$ 591 milhões em 2010 para R$ 1,3 bilhão em 2012, mais do que o dobro. Mas recuaram 15% em 2013, para R$ 1,1 bilhão. Além de Corinthians e São Paulo, teriam recebido luvas em 2012 o Internacional, o Atlético-MG, o Santos e o Grêmio, indica o estudo, obtido com exclusividade pelo Notícias da TV.

Sem luvas, o Corinthians foi o time que mais "perdeu" receita com televisão no ano passado. Depois de receber R$ 154 milhões em 2012, ano em que ganhou a Libertadores e o Mundial de Clubes, viu em 2013 somente R$ 103 milhões da TV, uma redução de R$ 51 milhões (33%).

Para César Grafietti, gerente de crédito do Itaú BBA e responsável pelo estudo, mais do que a perda de receitas por não ter disputado finais importantes em 2013, o que pesou no caso do Corinthians foram luvas pagas pela Globo. O caso do Atlético-MG ilustra bem essa tese: mesmo ganhando a Libertadores em 2013, o clube recebeu R$ 17 milhões a menos de direitos de TV do que em 2012.

"Acreditávamos que os números de 2012 refletiam a nova realidade de receitas com TV. Mas os números ora apresentados nos indicam que em 2012 haviam receitas não recorrentes, possivelmente fruto de 'luvas' referentes à assinatura de contratos de longo prazo", diz relatório do Itaú BBA. "As oscilações de Corinthians, Internacional, São Paulo e Santos são tão significativas que só se explicam dessa forma". 

Grafietti afirma que os valores de 2013 é que são a nova realidade dos direitos de TV do futebol nacional. Ele salienta que trabalhou com hipóteses, uma vez que teve acesso apenas aos balanços publicados pelos clubes; não houve uma checagem direta com as agremiações. Confira as receitas de TV dos clubes, desde 2010.

O estudo do Itaú BBA mostra que o futebol brasileiro é hoje um dos mais dependentes das receitas de TV do mundo. "A receita com TV representa de 40% a 50% da receita total dos clubes brasileiros. Lá fora, os clubes têm uma divisão maior. Na Europa, a TV representa 30%. Na Argentina, a venda de jogadores ainda é a principal fonte das agremiações.

No ano passado, as vendas de jogadores cresceram 36% e voltaram a ser a segunda principal fonte dos times nacionais. Impulsionadas pelas transações ao exterior de Lucas, pelo São Paulo, e Neymar, pelo Santos, renderam R$ 661 milhões, mais do que publicidade, que também cresceu, mas menos (15%), graças à ofensiva da Caixa Economica Federal, que estampa seu logotipo em sete das 20 camisas analisadas. As receitas com bilheterias também tiveram alta em 2013 (veja tabela abaixo). Procurada, a Globo não se manifestou.


Deixe seu Comentário

Leia Também

MEDALHA DE OURO
Medalha de ouro, Rebeca Andrade adotou varanda de apê como cenário para ensaios, dancinha e festas
FAMOSIDADES
Silvio Santos volta aos programas inéditos e comenta Faustão na Band: "coitado"
AUXILIO POPULAÇÃO
Trabalhadores nascidos em janeiro podem sacar auxílio emergencial
OLIMPÍADA
Tóquio: após ouro e prata, Rebeca Andrade fica em 5º lugar no solo
EDITAL DE PROCLAMAS Nº 5.958
Cartório do 2º Oficio de Fátima do Sul-MS informa o Edital de Proclamas
FRIO INTENSO FRIO INTENSO E CHUVA
Frio não foi embora não e Agosto será mais gelado do que o normal com duas frentes frias e chuva
Maria agarrando jacaré sem medo de ser mordida. Foto: Kisie Ainoã) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS LUTO - CIDADES
Maria do Jacaré morre aos 55 anos após queda em casa
NOTA MS PREMIADA
Nota MS Premiada será sorteada neste sábado, são R$ 300 mil em jogo
FÁTIMA DO SUL - MEGA MAIS
Lojas Mega Mais agora em Fátima do Sul
CÃOPAINHA
Cachorro toca campainha após ficar trancado fora de casa