Menu
SADER_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
Busca
AÇÕES DO GOVERNO MS

Parceria vai levar assist. documentação e benef. para 8 comunidades ribeirinhas na região pantaneira

Desenvolvido pela UFMS, trabalho terá a participação do Governo de MSe vai atender mais de 600 pessoas

26 Fev 2021 - 07h13Por Portal do MS

Parceria Governo do Estado e curso de Direito da UFMS (Universidade Federal) vai levar assistência social, benefícios, documentação e até orientação jurídica sobre aposentadoria para oito comunidades ribeirinhas na região do Pantanal. O projeto também conta  a Polícia Militar Ambiental (PMA) e Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast). 

O grupo se reuniu, nesta semana, para planejar esta ação, que vai ocorrer nas comunidades ribeirinhas de Corumbá até a Barra do São Lourenço, na Serra do Amolar. Um novo encontro será marcado para definirem as datas das excursões, que estão previstas para acontecer em abril e outubro deste ano.

O professor da UFMS, Aurélio Briltes, explicou que o projeto de assistência jurídica em comunidades já é desenvolvido há cinco anos, no entanto nesta nova edição terá o reforço dos serviços da Sedhast, para que a assistência seja mais completa, com cadastros, renovação de benefícios e apoio a este público.

“Nossa contribuição será para o cadastro em relação a direitos previdenciários, auxílio maternidade e outros direitos desta população, mas a excursão será mais ampla por isso buscamos esta parceria”, destacou ele.

A primeira reunião já traçou ações que vão beneficiar ribeirinhos de de Corumbá até a Barra do São Lourenço, na Serra do Amolar  (Foto: Monique Alves - Sedhast)

A Sedhast vai contribuir com ações de assistência social, renovação e cadastro em benefícios estaduais, assim como encaminhamentos para emissão de documentos pessoais. “Muitos não possuem documentos, o que os impede de receber benefícios e ter acesso a seus direitos, por isto a importância desta ação”, descreveu Briltes.

A previsão é que a primeira excursão ocorra em abril para coleta de dados, cadastros e mapeamento dos ribeirinhos e em outubro já fazer a entrega de documentos e devolutiva dos processos abertos. “Outro ponto que vamos tocar é na obtenção do seguro defeso, que se trata de um auxílio financeiro aos pescadores”, adiantou o professor.

Excursão

A expectativa é que a excursão tenha duração de 6 a 7 dias, com a participação dos estudantes de Direito (UFMS), coordenadores do projeto, servidores da Sedhast, além de policiais ambientais e representantes de Ongs (Organização não governamental) que trabalham na região.

“A primeira reunião foi realizada para discutirmos as ações e agora vamos sentar para definir as datas. Será importante levar esta documentação para quem não tem e até cadastrar e renovar benefícios aos ribeirinhos”, ressaltou Sabrina Frazeto, vice-coordenadora do Ceesrad (Comitê Gestor Estadual para a Erradicação do Sub-Registro Civil de Nascimento e Ampliação do Acesso à Documentação Básica), que é ligado a Sedhast.

Além de contribuir com a logística e apoio, a Polícia Militar Ambiental também aproveita estas oportunidades para levar orientações sobre educação ambiental aos ribeirinhos, com trabalho de conscientização. Também foram convidados para participar das ações o Ministério Público do Trabalho (MPT) e Ministério Público Estadual (MPE).

A titular da Sedhast, Elisa Cleia Nobre, destacou a importância destas parcerias, para levar assistência e direitos a este público. “Sempre vejo as parcerias como uma forma de chegarmos mais longe. Com as ações já desenvolvidas pela Sedhast e com o conhecimento dos professores e alunos da UFMS, temos uma união perfeita para desenvolvermos um ótimo trabalho”, pontuou.

Leonardo Rocha, Subcom
Fotos destaque: Divulgação UFMS

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRABALHO NA PANDEMIA
Ricardo Barros, líder do governo Bolsonaro, diz que 'só o professor não quer trabalhar na pandemia'
CASA PRÓPRIA
Agehab e prefeitura estudam substituir moradias precárias e construir mais casas em Caracol
EMPREGOS
Mais de 10 mil vagas de emprego intermediadas pela Funtrab no primeiro trimestre de 2021
LEILÃO
Leilão do Detran com 180 veículos para circulação encerra nesta sexta-feira
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Com pontes, asfalto e manutenção Governo Presente investe na malha viária do Sudoeste
Agepan Audiência Delta Energia 730x425 DELTA ENERGIA
Delta Energia busca apoio regulatório da Agepan no projeto de reativação da Usina William Arjona
AÇÕES DO GOVERNO MS
PRÓ-DESENVOLVE: Governo regulamenta fundo inovador de fomento à economia dos municípios de MS
MERCADO DE TRABALHO
Funtrab capacita mulheres para mercado de trabalho nesta quinta-feira
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Contorno rodoviário de Porto Murtinho garante agilidade na exportação recorde pela hidrovia
PROCESSO SELETIVO PREFEITURA DE MS
Prefeitura abre processo seletivo com salários de até R$ 10,6 mil em MS