Menu
SADER_FULL
domingo, 25 de julho de 2021
Busca
Fátima do Sul – prejuízos com a mosca

Pesquisadores da Embrapa discutem impacto da Mosca-de-estábulo com pecuarista de Fátima do Sul

Estiveram reunidos na sede do Sindicato Rural de Fátima Sul

24 Set 2014 - 14h51Por Washington Lima / Fátima News

Os pesquisadores Thadeu Barros e Paulo Cançado, da Embrapa Gado de Corte, em Campo Grande, estiveram reunidos com pecuaristas, na tarde desta terça-feira (23), na sede do Sindicato Rural de Fátima Sul, para discutirem os impactos causados pela mosca do estabulo no município.

Durante o encontro produtores afetados pela mosca relataram os prejuízos causados pela infestação das moscas, principalmente nas propriedades próximo da Usina Agro Energética de Fátima do Sul, devido ao grande uso da vinhaça na fertirrigação das plantações de cana.

“O gado, por exemplo, fica agitado, deixa de comer e acaba enfraquecendo. Para se ter uma ideia, os produtores de leite chegam a registrar prejuízos que já ultrapassam a casa dos 30%. É um problema sério, que precisa, com urgência, de solução”, disse um dos produtores.

Usando de recursos áudio visuais o Pesquisador Thadeu Barros, apresentou informações relevantes sobre a mosca-dos-estábulos, que tem aproximadamente o mesmo tamanho e aparência geral de uma mosca doméstica. Ela alimenta-se de animais de sangue quente e é encontrada nas vizinhanças de estábulos ou áreas de pastoreio. O dano causado por sua picada dolorosa e também pela perda de sangue e a irritação que leva os animais a se tornarem menos eficientes, a torna uma praga relevante para os pecuaristas.

Em visita a Usina Agro Energética de Fátima do Sul e corroborando  com as informações dos produtores, o Pesquisador apresentou alguma técnicas para tentar amenizar a proliferação das moscas na região afetada. “Para controlar é necessário a união dos pecuaristas, produtores rurais e Usina e que cada uma possa estar compromissados  em fazer a sua parte para contermos a proliferação das moscas.

O Presidente do Sindicato Rural de Fátima do Sul, Roberto Vasconcelos, agradeceu aos Pesquisadores pela visita e pelas informações aos produtores rurais de Fátima do Sul. “O Sindicato Rural de Fátima do Sul é parceiro e está ao lado do produtor na busca de uma alternativa para solucionar e combater a proliferação das moscas, que tem prejudicado alguns produtores do nosso município, e não paramos por aqui estaremos em buscas de outras ações para acabar com esse problema que ameaça a criação de gado e produção de leite”, garantiu o Presidente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Casal utiliza escada da Lagoa Misteriosa durante mergulho  Foto: Redes Sociais IMAGENS INCRÍVEIS
'Escada mais famosa' de MS vira cenário para turistas durante mergulho e viraliza, ASSISTA
Foto: Mycchel Legnaghi - São Joaquim online PREVISÃO DO TEMPO
Maior frio do ano? Temperaturas negativas, geada e até neve!
AGEPAN AGEPAN - FISCALIZAÇÃO
Agepan retoma fiscalização programada e verifica serviço de saneamento em 3 municípios
FRIO INTENSO
Frio chega com força e pode ser o mais intenso do século no Brasil
Primeira onda de frio intenso chegou ao MS no final de junho (Foto: Arquivo/Marcos Maluf) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS OLHA QUEM TÁ VOLTANDO
Frio volta na próxima semana e mínimas podem chegar aos 3ºC
SEGURANÇA E TECNOLOGIA
Princípios básicos da segurança cibernética em empresas
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Investimentos do Governo na área habitacional melhoram a qualidade de vida de famílias de Bela Vista
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Estrada Viva: Seinfra, UEMS e Ong's se unem para mitigação de morte de animais nas rodovias de MS
LOCKDOWN EM CIDADE DE MS
Cidade de MS decreta 'lockdown' de 4 dias e manda população estocar alimentos
by baymetrics.analytics SEGURANÇAS CIBERNÉTICA
Princípios básicos da segurança cibernética em empresas