Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 5 de dezembro de 2020
SADER_FULL
Busca
SITIOCA ALVORADA
Glória de Dourados - Educação

Anteprojeto do PDP será apresentado no dia 04 em Glória de Dourados

Audiência pública será na Câmara Municipal de Glória de Dourados.

29 Jan 2014 - 14h26Por Demerval Nogueira / Fátima News

A Paralelo 19 e o Grupo Gestor do Plano Diretor Participativo (PDP) será apresentado na próxima terça-feira, dia 4 de fevereiro, a partir das 19h, em audiência pública na Câmara Municipal local. O anteprojeto de lei só foi possível graças à mobilização de diversos grupos interessados na aplicação dos recursos públicos, que interagiu com diversos seguimentos da sociedade gloriadouradense através de reuniões noturnas setorizadas previamente. Essas reuniões envolveram todas as camadas sociais, inclusive com reuniões em distritos e na zona rural.

O processo de elaboração do PDP foi desenvolvido em quatro etapas, mobilização, diagnóstico, propostas e, agora, a apresentação do anteprojeto de lei, que será devidamente analisado pelo Executivo, transformando-o em Lei Municipal e encaminhando-o ao Poder Legislativo para análise, discussão e votação. De conformidade com leis superiores, o Plano Diretor Participativo, após a sua sanção terá um período de vigência de 10 anos, quando sofrerá nova readaptação observando o crescimento da cidade.

O prefeito Arceno Athas Júnior destaca a importância do PDP e afirma, “nós precisamos de um plano diretor para que a nossa administração possa derivar os recursos públicos com segurança, sabendo onde deve e onde não deve ser aplicados. Enfim, é um delineamento, um roteiro que devemos perseguir para basearmos de que forma devemos priorizar a aplicabilidade dos recursos”, disse Athas acrescentando ainda, “é necessário planejar para que possamos investir com precisão e segurança e saber pra onde a cidade deve crescer”.

O Plano Diretor Participativo atende aos preceitos da Lei Federal nº 10.257, de 10 de julho de 2001, conhecida como Estatuto da Cidade, que regulamenta os artigos 182 e 183 da Constituição Federal, onde estabelece diretrizes gerais da política urbana dos municípios brasileiros. Conforme determina leis superiores, o processo de elaboração do PDP foi desenvolvido em quatro etapas, mobilização, diagnóstico, propostas e, agora, a apresentação do anteprojeto de lei, que será devidamente analisado pelo Executivo, transformando-o em projeto de Lei Municipal e encaminhando-o ao Poder Legislativo para análise, discussão e votação.

O professor e membro do Conselho Gestor do PDP, Mercolis Alexandre Ernandes destaca que o os dados que sustentam o relatório da Paralelo 19 e o anteprojeto de lei foram obtidos nas leituras comunitárias e nos órgãos dos governos estadual e federal. “Estamos diante da oportunidade de transformar as ações eficientes do poder público municipal em políticas permanentes de governo”, disse Ernandes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS EM MS
Prosseguir: Governo volta a registrar municípios em grau de risco extremo
CNH EM 2021
Confira as 9 multas que não vão mais gerar pontos na CNH em 2021
EMPREGO E RENDA
Cerca de 5 mil indígenas de MS são contratados por empresas de SC e RS para a colheita da maçã
MIRANDA - MS - PROJETO SALOBRA
Mais uma parceria CRAS e Projeto Salobra, em Miranda
SEGURANÇA NO FIM DE ANO
Segurança no Estado durante as festas de fim de ano terá mais de 2 mil policiais nas ruas em MS
NOTA MS PREMIADA
SERÁ QUE FOI VOCÊ: Mais de R$ 640 mil ainda não foram resgatados do Nota MS Premiada
Política
Estado de MS destina novos equipamentos de borrifação aos municípios no combate ao Aedes Aegypti
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS entrega veículos para potencializar produção de erva-mate na faixa de fronteira
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Em nova parceria, Estado e bancada federal entregam unidades de resgate para 05 cidades de MS
ALERTA DE SEGURANÇA
Defesa Civil emite alerta de chuvas intensas e rajadas de ventos de até 100 km/h