Menu
ASSEMBLEIA DEZEMBRO 2021
terça, 7 de dezembro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

"Teremos a chance de apagar a imagem de 2006", diz Kaká

24 Mar 2010 - 06h00Por UOL Esportes

Kaká fez parte da seleção brasileira que disputou a Copa do Mundo-2006, na Alemanha. A eliminação nas quartas de final para a França rendeu uma série de críticas, muitas delas referentes à suposta falta de compromisso por parte de alguns jogadores. Um dos destaques da equipe, o meia acha que, na África do Sul, a equipe terá a oportunidade de apagar esta impressão negativa – mas sem classificá-la como uma “revanche”.

“Não falaria deste modo, mas é certo tratar-se de uma grande chance para apagarmos a imagem que deixamos em 2006. Chegamos a três finais consecutivas entre 1994 e 2002. O que aconteceu em 2006 pode ser considerado normal: acabou um ciclo, mudaram vários jogadores e a expectativa é a de que se inicie um novo ciclo vencedor. Espero que o começo seja agora em 2010”, afirmou, em entrevista ao site oficial da Fifa.

Kaká ainda comparou a seleção atual com a que disputou a Copa de 2006 e foi eliminada nas quartas de final para a França. “É muito diferente. Aquela era uma equipe vitoriosa, que ganhou muitos títulos, mas chegava ao final de uma etapa. Este time tem muitos jogadores jovens, com vontade Ainda temos muito a provar, mas estamos em um bom caminho”, considerou.

O jogador do Real Madrid reconheceu a dificuldade da chave na qual o Brasil caiu, mas isso não o preocupa tanto. “É um grupo muito difícil, talvez o mais complicado da primeira fase da Copa, com adversários como Costa do Marfim, Portugal e Coreia do Norte. Isto é uma grande motivação, pois significa começar o Mundial em alto nível e muito bem preparados, se não quisermos receber uma surpresa desagradável”, comentou.

O meia reservou elogios ao trabalho de Dunga na seleção. “Ele é uma pessoa séria, que sempre faz as coisas com correção. Ele é muito coerente, tanto dentro como fora de campo, e os resultados não poderiam ser melhores. Ganhamos a Copa América, a Copa das Confederações e ficamos em primeiro nas eliminatórias da Copa, superando muitas críticas. A atitude séria e tranquila dele sempre nos ajudou a manter a calma. Como ele se aposentou dos gramados há pouco tempo, Dunga sabe o que um jogador quer e como tratá-lo”, completou.

Leia Também

SONHO DA MATERNIDADE
Servidora Pública perde marido para a Covid, mas realiza sonho e dá à luz trigêmeos
LIÇÕES DA BIBLIA
O céu dos céus
covid_04.12 COVID NO BRASIL
Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Deuteronômio em escritos posteriores
ABUSO DE AUTORIDADE
PM arrasta homem negro algemado em moto; "Como na escravidão", diz gravação
REVOLTANTE
Índia de 13 anos violentada pelo avô busca ajuda e acaba estuprada por 4 em unidade saúde
DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança