Menu
SADER_FULL
terça, 14 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Schumacher vence, e Ferrari conquista título de construtores

16 Ago 2004 - 07h27
A equipe Ferrari de F-1 garantiu uma dobradinha no GP da Hungria da F-1, neste domingo, com Michael Schumacher em primeiro e Rubens Barrichello em segundo, e fez história na categoria. Com o resultado, a escuderia italiana garantiu, com cinco provas de antecipação, seu sexto título consecutivo do Mundial de Construtores.

A equipe chegou a 202 pontos, 111 a mais que a segunda colocada, a Renault, que neste domingo colocou o espanhol Fernando Alonso na terceira colocação.

Schumacher, maior vencedor da F-1 em todos os tempos, com seis títulos, conseguiu ainda mais um recorde. O alemão chegou a 12 vitórias na temporada, ampliando a marca que pertencia a ele próprio --venceu 11 vezes há dois anos.

O piloto ferrarista não saiu do GP da Hungria com o título do Mundial de Pilotos, mas ficou muito perto de obter o hepta já na próxima corrida, na Bélgica, no dia 29. Para isso, basta que vença a prova.

Com o triunfo deste domingo, o alemão chegou a 120 pontos, contra 82 de Rubens Barrichello, více-líder da competição.

A vitória na Hungria também proporcionou a Schumacher emplacar uma diferença histórica sobre Ayrton Senna, o terceiro maior vitorioso da história da categoria. O ferrarista soma agora 82 vitórias, exatamente o dobro do brasileiro, morto em 1994.

O brasileiro Antonio Pizzonia, que substitui Ralf Schumacher na Williams, foi o sétimo colocado no cirucito de Hungaroring. Ricardo Zonta (Toyota) e Felipe Massa (Sauber) não completaram a prova.

Confira o grid de chegada

1. Michael Schumacher (ALE/Ferrari) - 1h35min26s131
2. Rubens Barrichello (BRA/Ferrari) - a 4s6
3. Fernando Alonso (ESP/Renault) - a 44s599
4. Juan Pablo Montoya (COL/Williams) - a 1min02s613
5. Jenson Button (GBR/BAR-Honda) - a 1min07s439
6. Takuma Sato (JPN/BAR-Honda) a uma volta
7. Antonio Pizzonia (BRA/Williams) - a uma volta
8. Giancarlo Fisichella (ITA/Sauber) - a uma volta
9. David Coulthard (GBR/McLaren) - a uma volta
10. Mark Webber (AUS/Jaguar) - a uma volta
11. Olivier Panis (FRA/Toyota) - a uma volta
12. Nick Heidfeld (ALE/Jordan) - a duas voltas
13. Christian Klien (AUT/Jaguar) - a duas voltas
14. Gianmaria Bruni (ITA/Minardi) - a quatro voltas
15. Zsolt Baumgartner (HUN/Minardi) - a cinco voltas
Giorgio Pantano (ITA/Jordan) - não completou
Jarno Trulli (ITA/Renault) - não completou
Ricardo Zonta (BRA/Toyota) - não completou
Felipe Massa (BRA/Sauber) - não completou
Kimi Räikkönen (FIN/McLaren) - não completou
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

AUXILIO EMERGENCIAL
Liberados saques e transferências para aprovados no 3º lote
VITIMA DA COVID 19
Cantor morre de covid-19 após sogro e sogra; esposa está em isolamento
CAOS NA SAUDE
MT está perdendo a guerra para o coronavírus; nós subestimamos a doença
TRAGEDIA NO CONDOMÍNIO
Adolescente que matou amiga treina tiro esportiva há 3 anos com o pai
VIOLENCIA DOMESTICA
Mulher tem rosto desfigurado após ser agredida e pisoteada pelo marido bêbado
CORONAVIRUS AVANÇA
Brasil tem 72.234 mortes por Covid-19, segundo consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
BONITO - DICAS AGÊNCIA
Como fazer Snorkel em Bonito MS, o que ver, o que fazer e o que não!
PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT