Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 28 de maio de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Remédio para leishmaniose deve ficar 18% mais barato

20 Mar 2007 - 04h49
A fábrica da Sanofi-Aventis em Suzano, a 60 km de São Paulo, irá concentrar a produção mundial do antimoniato de meglumina, medicamento de primeira linha contra a leishmaniose.

A produção de 4 milhões de ampolas por ano será ampliada para 9 milhões, que serão exportadas para Irã, Argélia, Tunísia, Turquia, Marrocos, Bulgária e outros 16 países. Com o aumento na produção, o preço de cada ampola vai passar dos atuais R$ 3,73 para R$ 3,05, uma redução de 18%.

Além de beneficiar um número maior de pacientes, a ampliação da produção vai criar empregos e causar um impacto positivo nas exportações. A filial brasileira da empresa consegue ainda, com essa iniciativa, integrar o Programa Mundial de Acesso a Medicamentos para Doenças Negligenciadas, criado em 2005 em Lyon, na França.

Outras doenças combatidas pelo programa são a malária, a tuberculose, a doença do sono e a epilepsia, além de problemas que podem ser prevenidos com a criação de vacinas. "Não se trata de uma iniciativa social. É uma atitude coerente com a filosofia da empresa", diz a diretora de comunicação da filial brasileira da Sanofi-Aventis, Cristina Moscardi.

Saiba Mais Sobre a Doença

Doença infecciosa que acomete o homem e outros animais, pode ser causada por várias espécies de protozoários do gênero Leishmania, transmitidos pela picada do mosquito flebócito.

Apresenta-se sob seis subtipos: leishmaniose visceral ou calazar, leishmaniose cutânea pós-calazar, leishmaniose cutânea, leishmaniose muco-cutânea, leishmaniose cutânea difusa e leishmaniose muco-cutânea recidivante.

A forma mais grave, a visceral - que atinge órgãos como o baço e o fígado - está presente em 19 dos 26 Estados brasileiros. No Estado de São Paulo, os casos da doença aumentaram 29% em 2006 em relação a 2005 - quando oito pessoas morreram e 195 contraíram a doença.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

AUXILIO EMERGENCIAL
A 2ª parcela do auxílio de R$ 600 foi cancelada? Saiba como resolver o problema
CORONAVIRUS NO BRASIL
Covid-19: Brasil passa dos 400 mil casos confirmados e 25 mil mortes
MORTES CONTINUAM
Brasil é o 2º país no mundo com infectados com o coronavirus
FRAUDE
URGENTE! 160 mil possíveis FRAUDES no auxílio emergencial de R$600
COVID-19
URGENTE! Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para a Covid-19
BONITO - MS - COVID-19
Pandemia faz empresas demitirem 29% dos funcionários do setor de turismo de Bonito (MS)
VITIMA DA COVID 19
'Mãe' de Jojo Todynho morre de Covid-19
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Dia dos Namorados é no O Boticário, confira o catálogo digital, entrega em casa em Fátima do Sul
COVID-19
Dois integrantes da banda de Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para coronavírus
FEMINICIDIO
Filha de 12 anos faz homenagem para vítima de feminicídio: 'te amarei para sempre'