Menu
SADER_FULL
sexta, 7 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Produtores voltam a se mobilizar contra invasões

15 Out 2004 - 11h07
Desde a noite do último domingo, produtores rurais do município de Itaporã estão fazendo vigílias em frente as propriedades para evitar invasões de terra. A mobilização é feita em cima de indícios de que grupos de sem-terra estariam dispostos a invadir propriedades na região. As fazendas estão sendo monitoradas durante 24 horas. Na rodovia MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, acampamentos foram levantados em frente a algumas propriedades.
Nas regiões de Carumbé e Peroba os produtores estão se revezando na estrada diante das ameaças de invasões. "Nós não admitimos invasões de terra em Itaporã porque aqui não existem terras improdutivas", disse o gerente da Fazenda Lagoão, Silvio Pereira.
A presença de uma equipe do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), foi solicitada na noite do último domingo quando surgiram as ameaças. Os fazendeiros informaram que foram feitas várias rondas entre as propriedades. Seguranças particulares também foram contratados para permanecerem nas áreas.
Os produtores rurais também estão aproveitando ao máximo as margens das rodovias, preparando-as para o plantio, para evitar que estes espaços sejam transformados em acampamentos. "Desde a invasão da Fazenda Coimbra que nós, produtores rurais de Itaporã decidimos que estaremos sempre unidos, todas as decisões estão sendo tomadas em conjunto e respaldadas pelo nosso Sindicato", disse Pereira.
O presidente do Sindicato Rural de Itaporã, Maurício Saito informou que a vigília não tem data definida para terminar. "Não vamos cercar estradas e tomar nenhuma medida radical, apenas estamos nos unindo para cuidar das propriedades particulares, todos estamos atentos e cada vez mais mobilizados", disse Saito.
Esta é a segunda vez que os produtores rurais de Itaporã se mobilizam contra invasões de terra, depois da ocupação da Fazenda Coimbra, ocorrida no ano passado, na divisa entre Itaporã e Dourados.
 
Dourados Agora

Deixe seu Comentário

Leia Também

REABERTURA DO COMÉRCIO
Brasil e Paraguai podem reabrir comércio na fronteira em 10 dias, diz ministro
REINFECÇÃO EM ALERTA
Novo coronavírus tem segundas novas ondas de reinfecção e acendem sinal de alerta
FÁTIMA DO SUL - DICA CIA DO BICHO
Saiba o que são rações terapêuticas, Cia do Bicho destaca vários tipos, confira
BRASIL - 96.326 MORTES
Brasil tem 2.817.473 casos de Covid-19, indica consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
EXPLOSÃO EM BEIRUTE
Libanês se emociona e diz: Parecia uma bomba atômica, que acabou com tudo
BORA PRA BONITO - MS
Crie laços com a natureza em Bonito, MS!
LUTO NO CIRCO
Palhaço mais velho do Brasil morre aos 77 anos vítima de coronavírus
TRAGEDIA NA RODOVIA
Familia se despede de parentes mortos em acidente na BR-277
NA CASA DELE
Tio estupra criança de 4 anos e dá chocolate para ela não contar
BOCA DA ONÇA É NO MS
Maior cachoeira do MS, Boca da Onça retorna com muitas novidades, confira