Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 11 de maio de 2021
Busca
Brasil

Liberados recursos para centros odontológicos

30 Jul 2004 - 13h34
Mais de 1.500 participantes, entre delegados das 27 unidades da federação, professores e estudantes universitários, além de usuários e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS), participam até domingo (1º/8) da 3ª Conferência Nacional de Saúde Bucal, para discutir e propor medidas que ajustem a política federal para a área. Até o final de 2006 serão investidos R$ 1,3 bilhão em saúde bucal, “um recorde histórico”, conforme disse o coordenador de saúde bucal do ministério da saúde, Gilberto Pucca.

O ministro da Saúde, Humberto Costa, disse ontem à noite, na abertura do encontro, que nos primeiros 18 meses do governo Lula o Brasil investiu quase três vezes mais do que o recorde anterior, alcançado no ano de 2002. Naquela época foram investidos R$ 55 milhões, contra R$ 84 milhões em 2003. Somente no primeiro semestre de 2004, o valor repassado foi de aproximadamente R$ 70 milhões.

Humberto Costa afirmou, no entanto, que o povo ainda não tem o que comemorar, porque até agora o país só cumpriu uma das cinco metas de saúde bucal estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS). “Apenas a redução do número de cáries em crianças entre seis e 12 anos foi cumprida”, disse o ministro. “A diferença é que agora nós temos metas a serem cumpridas”, acrescentou, afirmando ainda que este fato será motivo de comemoração em breve. O ministro assinou três portarias liberando recursos financeiros para a construção de 400 centros odontológicos no país.

 

Agência Brasil


Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto