Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 9 de maio de 2021
Busca
Brasil

Financiamentos do BNDES somam R$ 46 bilhões de janeiro a maio

1 Jul 2010 - 16h56Por Agência Brasil
Um dia antes de embarcar para uma viagem a seis países da África, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou que a visita ao continente represente qualquer pretensão de ocupar um cargo em organismo internacional, como o Banco Mundial, ou de secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), quando deixar a Presidência da República.

Segundo Lula, a viagem ocorre em um contexto de cooperação, a exemplo do que já ocorre entre Brasil e África em áreas como energia, agricultura e combate à aids. As afirmações foram feitas hoje (1), em entrevista à TV Brasil Internacional.

“Vi a matéria dizendo que tenho pretensões de ir para a ONU ou o Banco Mundial. É uma cretinice isso. A ONU não pode ter como secretário-geral uma figura forte, tem que ser um burocrata. Em relação ao Banco Mundial, eu não tenho cara de banqueiro”, disse ao referir-se à reportagens publicadas pela imprensa.

Lula falou ainda sobre o potencial de cooperação do Brasil com o continente africano na produção de energia limpa, como os biocombustíveis. O presidente contou que, em conversas com dirigentes de países europeus, tem abordado a possibilidade de estimular a produção de biocombustíveis na África e, assim, contribuir para o desenvolvimento econômico do continente. Na avaliação de Lula, o Brasil tem uma dívida histórica com a África que, como não pode ser paga em dinheiro, deve ser paga em solidariedade.

A viagem à África será encerrada no dia 11 de julho, em Joanesburgo, com a ida de Lula ao jogo final da Copa do Mundo. Lá, Lula receberá do presidente da África do Sul, Jacob Zuma, um bastão tradicionalmente entregue ao mandatário do país que irá sediar a próxima Copa, o que ocorrerá com o Brasil em 2014.

A entrevista do presidente Lula será exibida na TV Brasil Internacional a partir de sábado (3), quando o presidente participa, em Cabo Verde, do primeiro compromisso em território africano. Os países seguintes a serem visitados por ele são: Guiné Equatorial, Quênia, Tanzânia, Zâmbia e África do Sul.

Inaugurada em maio, a TV Brasil Internacional transmite programação para 49 dos 53 países da África.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo