Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Delcídio diz que educação e emprego são prioridades

21 Ago 2006 - 10h54
 

O candidato da coligação Um novo avanço para Mato Grosso do Sul, Delcídio do Amaral, quer atrelar a educação ao planejamento estratégico do estado. 

- De que adianta formarmos todos os anos milhares de advogados e  economistas se a nossa vocação é a metalurgia, o turismo, a energia  e a agregação de valor à agricultura e à pecuária ?  - questiona o candidato, que está elaborando um programa de governo que prevê a abertura de escolas técnicas federais, o fortalecimento do ensino médio, com prioridade para cursos na área tecnológica, a expansão da Universidade Estadual (prevendo-se, inclusive a instalação de um campus em Campo Grande), e um trabalho conjunto com a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), que também está se expandindo, e a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados).

- Vamos fazer tudo de forma planejada, integrando os recursos do estado com os do governo federal, e buscando também parcerias com o SENAC e o SENAI, que têm grande experiência e tradição na formação de técnicos nas áreas de turismo, hotelaria, metalurgia e energia, além das escolas privadas, que podem suprir as lacunas que o poder público não consegue atender. Os projetos de desenvolvimento que estamos trazendo para o estado nas áreas de siderurgia, química e bio-energia operam com tecnologia de ponta e os nossos jovens precisam ser preparados, para que as empresas não sejam obrigadas a recrutar em outros estados a mão-de-obra necessária a tocar esses empreendimentos - esclarece Delcídio.

Para o candidato, não existe segredo para garantir um futuro melhor para quem vive em Mato Grosso do Sul.

- Meu programa de governo é pautado basicamente em duas coisas: geração de empregos e educação. A grande revolução que o Brasil precisa é a do emprego e a da educação. E eu não estou inventando a roda. Países como a Coréia do Sul e Cingapura, que hoje crescem a taxas de até 10 % ao ano, se tornaram verdadeiras potências econômicas porque há alguns anos decidiram investir no ensino de qualidade, na qualificação da mão-de-obra e na adequação do currículo escolar às novas tecnologias – afirma Delcídio.

O candidato vai investir também na educação básica.

- Estamos trabalhando para aprovar o mais rápido possível no Congresso Nacional o Fundeb, que vai destinar mais recursos para o ensino fundamental. Além disso, eu defendo a escola de tempo integral, onde o aluno entra de manhã e só sai à tarde, depois de receber o ensino regular, praticar esportes e atividades complementares. Eu sei que isso é caro, que aumentará os custos do estado, inclusive com melhor remuneração para os professores e servidores administrativos, mas os recursos que colocamos na educação não podem ser tratados como gasto. Dinheiro para a educação é  investimento.  E a gente pode implantar a escola de tempo integral gradativamente, ao longo dos quatro anos de governo – pondera.


Na noite de sexta-feira, em debate com os trabalhadores em educação promovido pela FETEMS em Paranaíba, no qual foi o único candidato ao governo a comparecer, Delcídio garantiu que vai trabalhar no sentido de fortalecer a categoria.

- Não existe ensino de qualidade sem professor e servidores técnicos e administrativos bem remunerados, com estímulo para continuar trabalhando e tempo para se qualificar e investir na carreira. No atual governo a remuneração do professor cresceu mais do que a inflação, mas não vamos parar por aí. Vamos continuar investindo no mínimo 25 % da arrecadação na educação e buscar outras fontes de recursos para ampliar esse investimento, com ênfase no incentivo à progressão funcional, ao aperfeiçoamento profissional e a aquisição de computadores e equipamentos de última geração para que os nossos trabalhadores possam se manter atualizados com tudo o que acontece no mundo – revelou o candidato.

Delcídio disse que todas as conquistas obtidas no Governo Zeca serão mantidas.

- A regência, que oferece a oportunidade de uma remuneração melhor para os trabalhadores em educação, vai ser permanente, criando mecanismos para evitar que uma penada do governador que está sentado no Parque do Poderes derrube essa conquista. Vamos honrar também o Plano de Educação, um grande instrumento para que o estado e os municípios possam dar um rumo para as nossas escolas e o nosso ensino -  garantiu.

O candidato anunciou também a criação de uma escola para o serviço público. 

- Vamos promover regularmente cursos, seminários e congressos para formar administradores para todos os setores da administração estadual. Com isso, melhoramos a qualidade da gestão e o atendimento ao cidadão, que é a nossa principal missão.

Delcídio reafirmou seu compromisso de respeitar o direito de greve dos servidores.

- Eu venho de uma categoria, os petroleiros, que tem uma das organizações sindicais mais ativas do Brasil. Além disso, por formação, sou um homem sereno, que tem bom senso. Por isso vou manter um canal de comunicação permanentemente aberto com todas as categorias. E acredito no diálogo franco e sincero como instrumento para resolver as diferenças – afirmou o candidato.

O candidato quer trazer as famílias para dentro da escola.

- Os pais precisam participar mais da educação dos filhos. Meu sonho é transformar cada escola pública deste estado em um verdadeiro centro comunitário. Vamos promover cursos, atividades noturnas e nos finais de semana para que as famílias se integrem cada vez mais à escola. Eu não tenho dúvidas de que isso vai trazer reflexos positivos não só no desempenho do aluno mas até na redução dos casos de violência , porque as famílias vão passar a defender mais o espaço onde o filho estuda acredita Delcídio.

Leia Também

OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro