Menu
SADER_FULL
domingo, 27 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Câmbio e demanda externa pioram expectativa de exportações

27 Out 2010 - 17h38Por Folha Online

O aumento da preocupação das empresas exportadoras com a taxa de câmbio e a retração da demanda externa provocaram a queda das expectativas dos industriais para as vendas externas dos próximos seis meses em outubro, informou nesta quarta-feira a CNI (Confederação Nacional da Indústria).

De acordo com o gerente-executivo da Unidade de Pesquisa da CNI, Renato da Fonseca, houve um aumento no terceiro trimestre da participação da taxa de câmbio entre os principais problemas apontados pelas grandes empresas, que passou de 28% para 31,3% em termos de importância entre as dificuldades.

"A taxa de câmbio afeta mais as grandes empresas porque são elas as principais envolvidas com exportações. O real valorizado afeta a competitividade desses produtos no exterior. E ainda há a demanda externa baixa", apontou Fonseca, justificando a razão pela qual as expectativas dos empresários para o volume de exportações para os próximos seis meses recuou de 51,4 pontos em setembro para 48,1 pontos em outubro.

Contudo, tanto as companhias grandes como as pequenas seguiram apontando como principal problema a carga tributária elevada, seguida pela competição acirrada de mercado. Para as pequenas empresas, um problema que foi bastante lembrado foi a falta de trabalhador qualificado.

PRODUÇÃO

A produção industrial apresentou crescimento no terceiro trimestre do ano, apesar do recuo apurado em setembro na comparação com agosto, informou nesta quarta-feira a CNI (Confederação Nacional da Indústria) na sua pesquisa Sondagem Industrial. O resultado caiu para 53 pontos em setembro ante 55,1 pontos no mês anterior.

Contudo, apesar do recuo, a atividade industrial se manteve em crescimento, já que resultados acima de 50 pontos sinalizam avanço na atividade. Em todos os meses do terceiro trimestre, os resultados se mantiveram acima dos 50 pontos.

No terceiro trimestre, o indicador de emprego apresentou avanço em relação aos três meses anteriores ao atingir 55,2 pontos, ante 54,6 pontos do trimestre anterior, o que demonstra o contínuo crescimento do emprego na indústria no ano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso