Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 17 de fevereiro de 2020
SADER_FULL
Busca
EDUCAÇÃO

Reinaldo diz que busca opções para "se possível restabelecer o abono"

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) garante que está buscando alternativas para “diminuir o impacto” com o corte do abono de R$ 200,00 dos servidores estaduais.

29 Abr 2019 - 13h39Por Campo Grande News

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) garante que está buscando alternativas para “diminuir o impacto” com o corte do abono de R$ 200,00 dos servidores estaduais. “Não é que o governo não quer dar. O problema é que estamos no limite prudencial e isso pode prejudicar o Estado”, voltou a dizer na manhã desta segunda-feira, durante evento no Tribunal de Justiça.

Está prevista para hoje nova rodada de conversas para decidir o destino do benefício e Reinaldo Azambuja não parece estar irredutível em relação ao fim do pagamento. “Estamos buscando meios para, se possível restabelecer o abono”, afirma.

Mas o governador condiciona o benefício à melhora na condição financeira do Estado. “Se destravar a reforma da previdência e houver incremento por meio da Lei Kandir, por exemplo, já melhora a nossa situação”, avalia. Segundo ele, o governo federal está disposto a pagar a compensação da Lei Kandir, mas precisa confirmar o enxugamento nos gastos com a previdência.

Reinaldo diz que “o dialogo continua aberto, mas é preciso ter de responsabilidade dos dois lados. O servidor tem de entender que estamos impossibilitados pela legislação”, adverte.

Ao funcionalismo, o governador garante que a equipe que cuida das finanças e da administração estudam opções “para diminuir o impacto”. Nos bastidores, a alternativa ventilada é a volta da carga horária de meio período, como forma de compensar reajuste zero e o corte do abono.

O governador informa que todas “as possibilidades” serão levadas para análise da comissão criada pela Assembleia Legislativa para acompanhar as negociações com os servidores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATENTADO A ESCLARECER
Deputado federal de MS diz que seu carro foi atingido por 5 tiros e que revidou
PREVENÇÃO E COMBATE
SES reúne profissionais para discutir combate a dengue, sarampo e coronavírus
COMBATE NA FRONTEIRA
Ao lado de Toffoli, Azambuja pede maior presença federal na fronteira
MISSÃO CUMPRIDA
Barbosinha se despede da liderança do Governo: 'Missão cumprida'
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Governador entrega reforma de escola em Campo Grande nesta sexta-feira
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governo reduz ICMS e fortalece atacadistas do Estado
JAIR BOLSONARO
Jair Bolsonaro revela como ele adquiriu 2,3 milhões de dólares após a sua falência.
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Com a presença do ministro Mandetta, encontro reúne 2,2 mil profissionais da saúde na 2ª feira
NO SENADO
Projeto que obriga presidiário a pagar por suas despesas avança no Senado
CASA DE LEIS
Azambuja escolhe Gerson Claro como liderança do Governo na Assembleia Legislativa