Menu
SADER_FULL
RIO_DOURADOS
Busca
SUCURI_MEGA
VIOLÊNCIA NA CAPITAL

Dono de bar contrata segurança e acaba roubado e ameaçado de morte por ele

17 Fev 2017 - 07h17

Ao contratar um segurança para seu bar, um comerciante, de 39 anos, acabou sendo roubado pelo próprio segurança, na noite desta quinta-feira (160, em Campo Grande, no Bairro Amambai.

A vítima disse na delegacia que tem um bar na Avenida Ernesto Geisel, e por achar perigoso, já que só abre a noite contratou um segurança de alcunha ‘Paraguai’ que chamou mais um amigo para ajuda-lo conhecido como ‘Milton’.

Por volta das 3 horas da madrugada desta sexta-feira (17), Milton teria pedido ao proprietário uma faca para cortar a barra de sua calça, momento em que a vítima lhe entregou uma tesoura.

De posse da tesoura, o autor anunciou o roubo, “Vai lá para o fundo que vou te matar. Passa todo seu dinheiro”. O dono do estabelecimento entregou o dinheiro ao autor e aproveitando uma distração fugiu para uma boate que fica ao lado para pedir ajuda.

Segundo o dono do bar, o autor fugiu em direção à feira central e ainda segundo ele, Milton, seria dono de uma dedetizadora no Bairro Carandá.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IRREGULARIDADES
MPF cobra R$ 22 milhões de Puccinelli e dois ex-secretários por falta de investimentos na saúde
Fatalidade
Trabalhador morre eletrocutado em propriedade rural
Tragedia
190km/h: Motorista e passageiro morrem em grave acidente
Macabro
Até ser descoberto, homem pedia marmita para o pai morto
Perdeu o controle da direção
Caminhão bitrem carregado com 38 toneladas de soja tomba na MS-480
Agressão
Ex-marido toma celular, quebra o chip e agride a ex-mulher em Deodápolis
Lei Islamica
Casais apaixonados e prostitutas são punidos com chicotadas em público
DEODÁPOLIS - CASO DE POLÍCIA
DEODÁPOLIS: DOF faz grande apreensão de armas e munições contrabandeadas do Paraguai
Assalto a ônibus
Tiroteio durante assalto dentro de ônibus deixa três mortos e quatro feridos
GLÓRIA DE DOURADOS - Perseguição
Policiais prende homem por porte de munições após fuga em Glória de Dourados