_MEGA_VICENTINHO
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 25 de Setembro de 2017
DELPHOS_FULL
2 de Maio de 2017 15h00

ARTIGO DA SEMANA: 'Sobre Bananas, Tamanho de Texto e Conversões' - Por Gilberto Mendes

GILBERTO MENDES
FOTO: DIVULGAÇÃOFOTO: DIVULGAÇÃO

SOBRE BANANAS, TAMANHOS DE TEXTO E CONVERSÕES

*Por Gilberto Mendes

Aprendi por esses anos de leitura que o tamanho dos textos não fala com autoridade deles.

Já vi epopeias enclausurados em pequenos escritos.

Li coisas pequenas festejadas em grandes espaços de texto.

Não se atenham ao tamanho do texto, se é grande ou se é pequeno. Debrucem-se sobre eles com a euforia da novidade, com o primeiro amor pulsando em seus olhos famintos por emoções literárias, sem olhar para dimensões, isso é irrelevante, ao final o que sobra é a sabedoria e a emoção que eles nos legaram.

Vamos aos fatos...

Eu cruzei a ponte em busca da promoção das bananas, alguns me entenderão. Existe um lugar em Fátima que a expressão “ a preço de banana” ainda soa como verdadeira.

Eu já voltava concluindo com sucesso minha missão, satisfeito por ter economizado uns trocados quando vi ao lado da rodovia, depois do acostamento, já quase dentro do matagal e muito próximo da área alagada um homem, sentado, entretido com seus próprios pensamentos, o olhar fixo no horizonte, muito fixo, parecia triste solitário, desgarrado da vida e de todas as coisas.

Tudo estranho, mas continuei meu caminho, estava realmente entretido com meu sucesso na compra das bananas. Em bananas e gasolina, Fátima do Sul é imbatível na região. Ninguém ganha de nós...

Voltemos para meu caminho, não confio em desvios, mesmo que sejam textuais.

O homem já havia ficado para trás quando, em meu coração, uma voz se fez ouvir: “Volte lá e fale de Mim para ele!”.

Sei que podem pensar que estou louco, não ouvi coisas sobrenaturais e extraordinárias, não foi assim. O sentimento nasceu em meu coração e a sugestão foi oferecida, soube na hora que era o Espírito Santo que tratava comigo.

Quem dirige em Fátima sabe que voltar naquele local iria dar algum trabalho, tinha que ir até o trevo da orla fazer o contorno e voltar, depois, ter que fazer uma conversão perigosa na rodovia mas... era o Espírito Santo que falava... Ele insistia, “faça a conversão e volte, volte, estarei contigo”. Entendi que depois da conversão, Deus sempre está conosco. Sempre, sempre, sempre.

Voltei...

Fiz tudo que era preciso e não estava confortável, confesso. Saí de casa pensando em bananas, não em falar com estranhos. Mas fizo que me era pedido, estar com Deus deve ser nossa primeira prioridade. O resto, bem, o resto é tudo banana.

Parei o carro ao lado do homem que continuava na mesma posição, olhava para o além como se nada existisse em sua volta.

Chamei-o.

Ele se voltou.

Abri a janela do carro e ele se virou com dificuldade, a cadeira de rodasnão o ajudava e olhou-me fixamente nos olhos.

Meu amigo, disse-lhe, Deus mandou lhe dizer que Ele te ama muito!

Simples assim. Sem rodeios e sem atalhos, lembrem-se, não confio em desvios.

Vi em seus olhos nascer uma lágrima, depois outra e mais outra. Daí a pouco ele chorava copiosamente.

Ele glorificou a Deus com alegria genuína.

Esse já havia realizado a conversão em sua vida...

Depois de uma despedida breve segui meu caminho.

Atrás ficava um homem em lágrimas que havia acabado de ter um novo encontro real com o Pai do céu. Deus se preocupava com ele e ele soube disso.

Eu segui em frente, não comemorava mais bananas, glorificava a Deus e a maneira amorosa por qual Ele trabalha por seus filhos. Derramei uma lágrima e ela comemorou a recente felicidade do homem em sua cadeira de rodas, muito mais glorificou a esse Deus que se preocupa genuinamente com seus filhos.

Comentários
Veja Também
FORTALEZA
LÉO_GÁS_300
MBO_SEGURANÇA_300
Últimas Notícias
  
HERBALIFE_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.