Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 18 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Vitória de Hamilton aumenta tensão na McLaren

18 Jun 2007 - 13h12
A vitória de Lewis Hamilton no Grande Prêmio dos EUA no domingo vai aumentar a tensão na disputa entre ele e o companheiro de McLaren, Fernando Alonso.

O estreante britânico de 22 anos, que venceu seguidamente no Canadá e nos EUA para completar sete pódios no mesmo número de provas nesta temporada, aumentou sua vantagem na liderança do Mundial para 10 pontos sobre o bicampeão mundial.

Hamilton tornou-se o nome do momento na F1, enquanto Alonso deixou de ser o centro das atenções até o ponto que chegaram em Indianápolis, em meio a rumores da rivalidade entre os dois companheiros de equipe.

"Se eu espero mais especulações sobre os nossos rapazes e o relacionamento deles? Sim", disse o diretor-executivo da McLaren, Martin Whitmarsh, após a terceira dobradinha da equipe no ano.

"A verdade é que os nossos dois pilotos são vencedores, eles querem vencer. Se Fernando deixasse o carro e dissesse que estava muito contente por ter perdido para Lewis hoje, eu ficaria muito preocupado", afirmou.

"Isso pode ser uma distração, mas neste momento não é. Mas quando você tem dois pilotos competitivos, eles estarão sempre disputando entre si", acrescentou.

"Há muita pressão sobre Fernando por ter um jovem motivado parecendo invencível, como acontece com Lewis", disse Whitmarsh, que acrescentou: "Fernando é um competidor fenomenal e ainda há muita competição pela frente, e ele continua querendo conquistar o título mundial."

O espanhol disse estar surpreso com o sucesso de seu companheiro no início da temporada, e afirmou estar confiante em uma virada. "É uma surpresa para mim e uma surpresa para todo mundo ver ele (Hamilton) indo tão bem e liderando o Mundial neste momento", disse Alonso, de 25 anos. "Mas eu tenho enorme confiança", acrescentou.

"Fizemos apenas sete corridas, faltam dez. Então estou muito feliz com meus 48 pontos e o campeonato será decidido no final", concluiu Alonso.

 

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados