Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 22 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Polícia fecha escola que vendia diplomas em Campo Grande

31 Mai 2010 - 16h59Por Mídia Max

Por fraude, a empresa Paulistec, que oferece diplomas de primeiro e segundo graus do EJA (Ensino para Jovens e Adultos), foi fechada nesta manhã por policiais da Decon (Delegacia do Consumidor), em Campo Grande. Alunos foram ludibriados com o recebimento de documentação sem a regulamentação do MEC (Ministério da Educação) e levaram a denúncia para a polícia.

Uma das 24 filiais da Paulistec nas capitais brasileiras, funcionava na Rua 13 de maio, número 2.951, onde duas funcionárias acabaram detidas nesta manhã. O suspeito de ser o `cabeça` do esquema, Mauro de Napoli, está em São Paulo e deverá ser notificado para prestar depoimento à polícia paulista ainda hoje. Caso não compareça à delegacia, o delegado Adriano Garcia Geraldo, titular da Decon, disse que irá pedir a prisão do empresário.

As duas funcionárias, Débora Cristina Lourenço, 24, [gerente], e Elaine da Silva Santos, 23, [auxiliar administrativas], foram levadas para a delegacia, onde vão prestar depoimento e em seguida, serão liberadas.

Suspeitas

Conforme o delegado, a suspeita de falsidade ideológica já teria resultado no fechamento de outra filial da Paulistec no estado de Goiás.

Em Campo Grande, a empresa `derramava` diplomas falsos há pelo menos dois anos. Na conta bancária do empresário investigado todos os dias entravam ao menos R$ 1 mil.

O crime contra o consumidor foi constatado, segundo o delegado, pelo fato da empresa fornecer o diploma e quando o documento era utilizado, a vítima descobria que não havia autorização do MEC.

A Paulistec não cumpria as 2,4 mil horas exigidas pelo Ministério da Educação. Não havia aula presencial e os alunos apenas recebiam apostila, compareciam ao local para fazerem as provas, avaliadas em São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

Reginaldo Coelho

Procurado

Agora, a Decon está a procura do cunhado de Napoli. Ele seria o diretor regional da Paulistec em Mato Grosso do Sul e o primeiro nome seria Milton.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH