Menu
SADER_FULL
segunda, 12 de novembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Liminar do TSE: casal Garotinho volta a ser elegível

17 Ago 2007 - 13h36

 

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Ayres Brito concedeu ontem à noite uma liminar que dá efeito suspensivo à decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro que indicava a cassação do deputado federal Geraldo Pudim (PMDB-RJ). A decisão foi divulgada hoje. Se não fosse aceito o pedido, Pudim teria de aguardar o julgamento do TSE sem mandato. Com esta liminar, o casal Anthony Garotinho e Rosinha Matheus também foram beneficiados e voltam a ser elegíveis.

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, desembargador Roberto Wider, comunicou à Câmara dos Deputados, ontem à tarde, por fax, a cassação do deputado eleito com 272 mil 457 votos. A comunicação foi feita após a publicação, no Diário Oficial, do resultado da sessão do TRE-RJ da última quinta-feira, quando foram julgados os recursos do deputado Pudim, dos ex-governadores Anthony Garotinho e Rosinha Garotinho, e do ex-presidente da Fundação DER, Henrique Ribeiro.

Por unanimidade, o TRE-RJ manteve a cassação de Pudim e a inelegibilidade por três anos dos outros envolvidos no processo. Todos foram, ainda, multados em 100 mil Ufirs.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concursos oferecem mais de 1 mil vagas e salários de até R$ 6,6 mil
NOVA EQUIPE
Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília
ESPORTE EM TOUROS
VÍDEO: Peão de MS morre após ser pisoteado por touro em rodeio no interior de SP
ULTIMO CAPITULO
Globo exibe último capítulo de Segundo Sol e assunto bomba
DE GLÓRIA DE DOURADOS PARA O MUNDO
Ana Karla é convidada especial da Hyundai para um talk show neste sábado em São Paulo
1ª INDIGENA NO GOVERNO
Índia da equipe de Jair Bolsonaro já atuou com Cauã Reymond e foi moradora de rua
FINAL DE NOVELA
Valentim beija Rosa em gravação que vai ao ar no fim de 'Segundo sol'; veja mais detalhes
MS CONTEMPLADO
Tereza Cristina Dias do MS é confirmada para ser ministra
EFEITO CASCATA
Bolsonaro vê com 'preocupação' aumento para ministros do STF