Menu
SADER_FULL
quinta, 19 de julho de 2018
PASSARELA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Fazendeiros de MS terão explicações sobre leis trabalhistas

11 Jun 2010 - 14h44Por Agora MS

Em Mato Grosso do Sul, 500 propriedades receberão a visita de técnicos capacitados para levar aos produtores rurais informação e esclarecimento sobre a correta aplicação das normas trabalhistas em suas terras. A execução do trabalho será feita em um prazo de três meses e vai colocar na estrada 19 aplicadores do projeto Mãos que Trabalham, o qual atua em caráter educativo baseado na premissa de que o bem-estar pleno do homem do campo favorece sua maior eficiência pessoal e profissional, gerando ganhos econômicos e sociais.   

As visitas tem o objetivo de analisar e informar os proprietários sobre as exigências da Norma Regulamentadora de Segurança e Saúde no Trabalho no Campo, conhecida como NR 31. A ação, que começou com um projeto piloto em 2009, é desenvolvida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) em todo o país, com meta de visitar 10.000 propriedades. Dados do IBGE indicam que no Brasil, 20 milhões de pessoas trabalham em atividades agrárias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTES NAS ESTRADAS
Acidente grave: nove caminhões e um morto na BR-376
POLEMICA
Transexual é retirada algemada de banheiro público feminino em Araruama
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Remy agarra Luzia e Ícaro salva a mãe de ser estuprada
TURISMO PELO BRASIL E MUNDO
Indústria de Hotéis aguarda aprovação dos jogos para captar bilhões em produtos turísticos
AGORA EM DOURADOS - MS
UNIPAR EAD com cursos de Educação Física, Letras, Marketing e mais 22 cursos, Confira todos aqui
TRAGEDIA
Acidente chocante em Foz: casal morre na hora em batida
NOVELA GLOBAL
Aliada de Laureta, Rosa se vinga do pai e o humilha no restaurante em ‘Segundo sol’
GRANA
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo é preso e humilha Roberval
FUTEBOL PELO MUNDO
Real Madrid se recusa a permitir que Vinícius Júnior permaneça no Flamengo até o final de 2018