Menu
SADER_FULL
quinta, 24 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Deputada propõe maior controle de verbas para ONGs

8 Ago 2007 - 13h13

A Carta Magna Sul-mato-grossense, a exemplo da Constituição Federal, consagra os princípios da publicidade e da eficiência. Em seu art. 75, determina também que os atos administrativos do Estado serão fiscalizados pelo Poder Legislativo, com o auxílio do Tribunal de Contas e pela própria sociedade (controle externo), além do próprio Poder Executivo no âmbito do controle interno. Nos últimos tempos, porém, o noticiário nacional está repleto de casos suspeitos envolvendo as relações da administração pública com as Organizações Não-Governamentais (ONGs).

 

Diante dessa realidade, a deputada Celina Jallad apresentou projeto de lei que autoriza o Poder Executivo a disponibilizar na internet a relação das entidades beneficiárias de recursos públicos estaduais. “Nossa proposição, amparada por dispositivos constitucionais, objetiva viabilizar o exercício pleno da fiscalização das relações do Estado de MS com as entidades não- governamentais”, comentou a parlamentar.

 

Para não haver interpretações diferenciadas, entenda-se como entidades não- governamentais as Organizações Não-Governamentais (ONGS), as Fundações, as Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPS), as Associações de Moradores e as demais entidades representativas que prestem serviços públicos.

 

Pela proposta de Celina Jallad, o Poder Executivo informará, juntamente com o nome da entidade não Governamental, dados como: a identificação do órgão e do valor empenhado; o objeto do contrato ou convênio; o prazo de validade do contrato ou convênio; a fundamentação legal para a existência ou não de licitações e os relatório dos serviços prestados atualizado semestralmente.

 

De acordo com o projeto de lei, as entidades da administração pública direta e indireta colocarão nos seus respectivos sítios na Internet,  as informações determinadas pela proposta, referentes a seus contratos ou convênios.
 
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes