Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 20 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Caminhoneiros conseguem adesão parcial à paralisação

26 Jul 2004 - 14h57
O "paradão nacional", iniciado à 0h de hoje pelos caminhoneiros, conseguiu a adesão parcial da categoria. Pelas estimativas da Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros), o nível de adesão varia de acordo com a região do país.

Nos Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, por exemplo, a adesão ultrapassaria os 90%. O mesmo nível de paralisação também poderia ser verificado na Bahia, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

A greve teria menos intensidade nos Estados de São Paulo e Minas Gerais. Em São Paulo, os maiores focos de paralisação teriam ocorrido em São Bernardo e Santos.

A paralisação dos caminhoneiros é um protesto pela aplicação de R$ 8 bilhões dos recursos da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico) na recuperação das malha rodoviária.

"Está na hora de o governo investir na estrutura rodoviária, ferroviária e portuária", disse o presidente da Abcam, José da Fonseca Lopes.

No entanto, outras entidades de representação dos caminhoneiros são contrários à paralisação. Esse é o caso da Frente Nacional dos Transportadores Rodoviários de Cargas, que considerou a paralisação "inconveniente e inoportuna", já que o governo "assumiu compromissos claros e específicos, que demandarão algum tempo para serem implementados".

A frente se reuniu na quinta-feira da semana passada com o ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, que garantiu que a recuperação da malha rodoviária foi iniciada.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa