Menu
SADER_FULL
quinta, 18 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

BBB7 termina com torcida pelo romance entre Alemão e Siri

3 Abr 2007 - 17h32
O Big Brother Brasil 7 termina nesta terça-feira, 3, com um vencedor anunciado há tempos: Diego Bissolatti Gasques, o Alemão, conquistou a simpatia do público com sua honestidade e, claro, com o triângulo amoroso em que se envolveu.

Um amigo de infância de Diego, que não quis se identificar, falou sobre ele. Garantiu ter participado até da torcida que foi ao Projac torcer por Alemão nos paredões que o loiro enfrentou.

Segundo o amigo que diz se chamar Fernando, Alemão foi ele mesmo ao longo de todo o programa. "Sempre achei que o Big Brother era muito manipulado, que eles faziam a edição como queriam. Mas depois que vi o Diego, vi que eles mostram a verdade. O que o programa revelou foi 100% o jeito dele ser".

Fernando afirmou que assistia ao programa sempre que podia, e confessou ter achado o triângulo amoroso em que o amigo se envolveu muito divertido. Além disso, disse acreditar que o romance com Íris pode dar certo.

Sobre as chances de Alemão ganhar o prêmio, Fernando admitiu já ter feito apostas de que o amigo será o vencedor em diversos lugares. "Eu acredito que ele tem bastante chances de ganhar. Mas ainda não acabou, vamos ver como vai ser", disse.

Antes de entrar na casa, o rapaz, formado em Administração de Empresas, trabalhava por conta própria como consultor em web-marketing. Além disso, tem um projeto de um site de busca na internet, ao qual se dedicava antes de ser chamado para entrar na disputa por R$ 1 milhão. Com o prêmio, ele pode, quem sabe, viabilizar esse projeto. Isso se não quiser se aproveitar da fama, o que quase todos os ex-BBBs já tentaram após deixar a disputa.

Queridinho

Aos 26 anos, Alemão virou o queridinho do público depois que o triângulo - formado com a paulista de Tupã Íris e a carioca Fani - ganhou inimigos na casa do BBB. A turma, liderada por Alberto, o Caubói, passou a fazer de tudo para eliminar o trio. Formaram-se assim os grupos "do bem e do mal" desta edição do reality show.

A tendência não é exclusividade do BBB7. Na maioria das edições, senão em todas, houve, em determinado momento, uma divisão deste tipo na casa. O público, que costuma tomar as dores dos "injustiçados", fez o mesmo desta vez e saiu em defesa do trio.

Do tipo que "fala o que pensa", o paulista de São Bernardo do Campo - convidado para fazer um teste para o BBB por olheiros da Globo na boate Pacha, em São Paulo - foi ganhando espaço ao comprar a briga. De paredão em paredão eliminou seus inimigos - e também amigos, já que em pelo menos três das cinco disputas de que participou ele enfrentou as pessoas com quem tinha mais afinidade.

Triângulo

O triângulo amoroso é um capítulo à parte na trajetória de Alemão na casa. Nas palavras do próprio Diego, "ele ficou com uma e se apaixonou por outra", respectivamente Fani e Íris. A história envolveu o público, que torce pelo reencontro de Alemão e Siri, como Íris era chamada pelos participantes, depois do final do programa.

No Blog de Alemão no site da Globo, os espectadores comentam o romance, segundo Pedro Bial "o mais tórrido do BBB, que não teve sequer um beijo na boca". "Torço muito pela Siri e você, na minha opinião o casal mais lindo do Brasil! Estou louca pra ver o tão esperado beijo na Sirizinha", diz uma torcedora no site.

Com o paredão de Íris e Alemão, no dia 27 de fevereiro, e a conseqüente eliminação da moça, com 57%, Diego ficou com a missão de se vingar daqueles que formaram a disputa, que desagradou até ao apresentador do BBB. No dia em que o programa exibiu o paredão, Bial o classificou como "o paredão que ninguém queria ver".

A partir daí, a cena de Diego vencendo paredões passou a se repetir constantemente, até chegar, nesta terça, à final. Ao todo, foram cinco, eliminando, nessa ordem, Fernando, Íris, Flávia, Fani e Airton.

Assim, Alemão termina o programa com amplo favoritismo. Ele disputa o prêmio com a carioca de Copacabana Carollini, que participou de dois paredões, apenas na reta final do programa: um com Analy e outro com Bruna, no último domingo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'
MOTIVO FUTIL
Camera ajuda na indentificação de Homem que confessa ter matado mulher após falhar na "Hora H"
A CASA CAIU
Rapaz é agredido pelas sete namoradas que descobriram traição
SEGUNDO SOL
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher'
DEFICITÁRIAS
Correios fecham 02 agências no MS e 39 no país
VICENTINA - LEILÃO ELETRÔNICO
Justiça realizará leilão eletrônico de imóveis urbanos e trator de VICENTINA
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Conclusão do Comperj deve gerar 8 mil vagas em 2019
LUTO NO JORNALISMO
Morre Gil Gomes, jornalista policial, aos 78 anos, em São Paulo
SELEÇÃO BRASILEIRA
Brasil vence a Argentina com gol de Miranda nos acréscimos e conquista o Superclássico
HORARIO DE VERÃO
Início do horário de verão não será adiado, informa o Planalto