Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 5 de agosto de 2021
Busca
Operadoras de telefonia

Operadoras de telefonia ''punem-se'' com multa diária de R$ 1 mil com teto de 50 dias

21 Ago 2014 - 16h15Por Correio do Estado

Multas diárias irrisórias - estipulada em R$ 1 mil - e assim mesmo limitada ao teto de 50 foram ‘‘penalidades’’ que constam na minuta do Termo de Ajuste de Conduta (TAC) apresentadas pelas empresas de telefonia à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa. Diante disso, representantes do Ministério Público Federal,  Ministério Público Estadual, Defensoria Pública e Superintendência de Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon) devem concluir até o dia 28 revisão do documento para ser fechado o acordo para melhorias na primeira semana de setembro.

Na minuta do TAC - enviada à CPI pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular  e Pessoal (Sindtelebrasil) -, as operadoras de telefonia  também não apresentaram plano concreto para acabar com o “cai, cai” das ligações em Mato Grosso do Sul, principal queixa dos consumidores. Das oito cláusulas propostas, apenas em três há penalidades. “São valores irrisórios, ainda mais levando em conta a arrecadação milionária das empresas de telefonia”, avaliou o presidente da CPI, deputado Marquinhos Trad (PMDB).

“Condicionam a solução dos problemas a atitudes da Assembleia Legislativa e a mudanças na legislação, mas não falam o que vão fazer de concreto”, disse o parlamentar.

“Foram necessárias algumas mudanças no TAC para garantir as melhorias necessárias para acabar com o cai, cai das ligações, melhorar o sinal e diminuir queixas de cobranças indevidas e, na primeira semana de setembro, após revisão dos órgãos competentes, deveremos assinar o documento”, explicou Marquinhos.

Antenas

Ele disse que a CPI elaborou projeto para mudar as regras e agilizar a instalação de antenas no Estado. As empresas atribuíam a falta de sinal a normas rígidas e burocráticas demais. Por isso, surgiu a proposta, que está na  Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e será apreciada em regime de urgência pela Assembleia Legislativa.

Só em Campo Grande, segundo ele, as novas regras devem dobrar o número de antenas. “Hoje, temos cerca de 400 na cidade, mas, diante do compromisso das operadoras de ampliá-las e associadas às novas regras, até o final, do ano deveremos dobrar a quantia de antenas”, calculou Marquinhos.

Com situação ainda mais precária quando o assunto é sinal de celular, assentamentos, distritos e aldeias indígenas também serão beneficiados com a aprovação do projeto, acredita o parlamentar. Neste quesito, a CPI se inspirou no programa Comunica Campo, desenvolvido no Espírito Santo, e sugeriu dispositivo que possibilita ao Governo do Estado conceder benefícios fiscais para as operadoras instalar antenas na zona rural.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OS MAIS VENDIDOS
Os carros mais vendidos em Sudamerica
BAIXA UMIDADE
Previsão do Tempo: Semana será marcada por baixos índices de umidade relativa do ar
FENÔMENO DA NATUREZA
Chuva de meteoros será visível na madrugada de quinta para sexta em todo Brasil
FRIO E CHUVA
Temperatura despenca 23º em 12 horas em Fátima do Sul
by baymetrics.analytics SEGURANÇAS CIBERNÉTICA
Princípios básicos da segurança cibernética em empresas
INVERNO
Ar frio e seco predomina nesta terça-feira em Mato Grosso do Sul
O FRIO VOLTOU
Região de Dourados tem geada e até -1ºC na 2ª semana mais fria do ano
FRIO INTENSO
Meteorologia prevê frio intenso e geada para a segunda quinzena de julho em Fátima do Sul e MS
VISITANTE RARO
A misteriosa nuvem de gelo que envolve o Sistema Solar
ERUPÇÃO SOLAR
Nasa registra maior explosão solar desde 2017