Menu
SADER_FULL
terça, 24 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
JUNINHO DENTISTA NOVO
internet no brasil

Conexão no Brasil é mais lenta do que no Iraque e Turquia

28 Jan 2014 - 15h22Por MONTESCLAROS

Pela 3ª vez seguida, o Brasil caiu na lista de velocidade média de conexões de internet divulgada pela empresa de internet americana Akamai. Segundo o estudo publicado hoje, os brasileiros acessaram a internet com velocidade de 2,7 megabits por segundo (Mbps) no 3º trimestre de 2013.

O resultado coloca o Brasil na 84ª posição da lista, que considerou 140 países. No 1º trimestre do ano passado, o Brasil estava no 73º lugar. Com esta velocidade média, o Brasil fica atrás de países como a Turquia (4 Mbps), Cazaquistão (3,5 Mbps) e Iraque (3,1 Mbps). A posição do Brasil também é pior que a da maioria dos vizinhos da América do Sul analisados no estudo.

O Equador, país latino-americano com melhor posição na lista global, registrou velocidade média de 3,6 Mbps no período. Chile, Colômbia e Argentina também têm conexões de internet mais velozes que o Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADES
De Xiaomi a Ipad: Sefaz realiza leilão de mercadorias apreendidas em MS
RECOMPENSA DO FACEBOOK
Adolescente de BH que ganhou prêmio de R$ 130 mil após ajudar a corrigir falha no Instagran
Feira das Profissões 2020 acontecerá em um ambiente totalmente virtual DOURADOS - UNIGRAN
Feira das Profissões 2020 inicia na próxima segunda-feira com novidades
ALERTA DE TEMPESTADE
Com bairros ainda sem energia, Fátima do Sul tem alerta de tempestade quinta feira, 29
Energisa aumentou número de equipes para dar conta da demanda Foto: Divulgação 100 ENERGIA
Nove bairros de Dourados ainda apresentam problemas com falta de energia
TEMPESTADE
Chuva e ventos de 46km/h derrubam árvores e levam sujeira às ruas de Dourados
MUITA CHUVA
Chuva chega em Fátima do Sul com muita ventania
TEMPO
Semana inicia com previsão de 64 mm de chuva para Fátima do Sul
DOURADOS - UNIGRAN
UNIGRAN realiza Feira das Profissões 2020 em um ambiente totalmente on-line
5G NO BRASIL
Anatel quer que operadoras colaborem com a universalização do 5G no Brasil