Menu
SADER_FULL
quinta, 26 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SITIOCA ALVORADA
saúde - pública

Sete cidades de MS estão com alto risco de epidemia de dengue

25 Abr 2014 - 17h23Por Mídia Max

Conforme divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde através do boletim epidemiológico de dengue, mais duas cidades do estado atingiram alto risco de epidemia de dengue. Bandeirantes e Ladário se juntam a Corumbá, Antônio João, Jateí, Rio Negro e Bodoquena.

Vinte e seis cidades se encontram em estado de alerta, incluindo Campo Grande. A cada semana que passa, a Capital se aproxima de atingir o grau de incidência necessário para ser decretado alto risco de epidemia de dengue (300). Do dia 12 ao 19 de abril foram 91 casos. No início do mês, o grau de incidência de Campo Grande era de 236,7. Agora é de 261,2.

O grau de incidência é medido da seguinte forma: os números absolutos de casos suspeitos divididos pela população residente de cada município vezes 100.000 habitantes. Assim, os municípios são classificados como de baixa incidência abaixo de 100 casos por 100.000 habitantes, moderada de 100 a 300 casos por 100.000 habitantes, e alta incidência acima de 300 casos por 100.000 habitantes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Estado de MS destina novos equipamentos de borrifação aos municípios no combate ao Aedes Aegypti
FÁTIMA DO SUL - NOVO DECRETO
Prefeitura volta a suspender atividades em clubes de lazer e eventos esportivos em Fátima do Sul
100 LEITOS
Alto taxa de ocupação de leitos pede medidas restritivas contra Covid-19
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Reinaldo entrega 420 equipamentos de combate ao mosquito Aedes aegypti e destaca sintonia no combate
1ª PEDALADA MARANATA KIDS
Igreja Adventista do Sétimo Dia realiza a 1ª Pedalada Maranata Kids em Fátima do Sul
Vista aérea de um cemitério em Jacarta, na Indonésia, mostra coveiros com roupas de proteção carregar um caixão com uma vítima de Covid durante a pandemia do novo coronavírus  Foto: Willy Kurniawan/Reuters PANDEMIA ALASTRANDO
Mundo registra maior nº diário de mortes por Covid, e total de vítimas passa de 1,4 milhão
# PROTEJA-SE
Hospital da SIAS de Fátima do Sul faz campanha em prol à saúde
AÇÕES DO GOVERNO MS
Programa estadual financia pesquisa com medicamentos anticâncer
Zezé Di Camargo canta durante velório do pai, Francisco Camargo, em Goiânia  Foto: Vítor Santana G1 TRISTE PARTIDA
Zezé Di Camargo toca sanfona e canta 'É o Amor' durante velório do pai
MS - 1.738 MORTES
Adultos jovens são a maioria dos novos casos de coronavírus no MS