Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 25 de setembro de 2021
Busca
ELEVAÇÃO CONTÁGIO

SES alerta para elevação da taxa de contágio que chega a 0.87 nesta segunda-feira

Foram confirmados 271 novos casos e mais 16 óbitos pela doença no Estado.

26 Jul 2021 - 13h39Por Portal do MS

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) atualizou nesta segunda-feira (26) os dados do boletim epidemiológico Covid-19 em Mato Grosso do Sul. Foram confirmados 271 novos casos e mais 16 óbitos pela doença no Estado. 

A média móvel indica que nos últimos 7 dias foram confirmados 564 casos por dia. Com relação aos óbitos esse indicador aponta média de 23 mortes diárias na última semana. 

De 7.288 casos ativos em Mato Grosso do Sul, 6.681 estão em isolamento domiciliar e outros 607 são pacientes hospitalizados em leitos clínicos (261) ou de UTI (346). A taxa de ocupação de leitos UTI SUS por macrorregião de internação está em 83% em Campo Grande, 70% em Dourados, 58% em Três Lagoas e 56% em Corumbá. 

Durante transmissão ao vivo, o secretário de saúde, Geraldo Resende fez um alerta para a taxa de contágio que voltou a subir, e está em 0.87 depois de ter atingido 0.82 no dia 18 de julho.

“Significa que infelizmente parte da população acha que vencemos a doença, e começam a afrouxar as medidas de segurança. Apesar do avanço na imunização temos grande possibilidade de aumentar os casos com pessoas que não completaram o ciclo vacinal ou nas que não tomaram nenhuma vacina. Ou mesmo nas pessoas vacinadas, logicamente não estão imunes a terem a doença”, afirmou. 

Outro dado analisado pela secretária adjunta da SES, Crhistinne Maymone foi o fechamento da 29° semana epidemiológica encerrada no sábado (24). “No período de 18 a 24 de julho temos que comemorar. Na 29° semana tivemos 4.085 casos, o menor número de todo ano. Significa que essa comemoração é para nos estimular a continuarmos assim. Mesmo que estejamos aumentando a taxa de transmissibilidade. Não podemos deixar de nos prevenir”.

No mesmo período, foram confirmados 164 óbitos em todo Estado. Mesmo não sendo a menor de semanas anteriores, o indicador é menor que o recorde histórico de 397 em abril, ou mesmo os 367 da semana 23 que motivaram o último decreto estadual. 

“Graças a muitas medidas não farmacológicas que vieram depois do decreto, tivemos esse decréscimo de óbitos e de casos confirmados também. No entanto, nossa taxa de letalidade é 2,5, temos que  continuar observando, mantendo todas as medidas de prevenção. Mas o dado mais importante é o da taxa de contágio. Cada variante nova transmite mais rápido”, alertou.

Confira o detalhamento do boletim epidemiológico desta segunda-feira, 26 de julho de 2021 aqui.

Mireli Obando, Subcom

Foto: Arquivo Subcom

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Estado já tem 1.688 barragens regularizadas junto ao Imasul, maioria de pequeno porte
EM BAIXA
Internações em queda e taxa de contágio em 0,79 são destaques do boletim Covid desta sexta-feira
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. AUXÍLIO EMERGENCIAL
Novo Auxílio de R$ 550 para trabalhadores, Veja quem pode receber
TRANSPORTE DE ESTUDANTES
Agepan atua para garantir transporte legal a estudantes que retomaram aulas presenciais
VACINA DOSES DE ESPERANÇA CHEGANDO
DOSES DE ESPERANÇA: MS recebe mais 71.760 doses de vacina contra a Covid-19 nesta sexta-feira
SAÚDE DO ESTADO DE MS
Governo do Estado recebe propostas para 101.620 de procedimentos no Opera MS e Examina MS
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra em 24 horas 36.473 novos casos e 876 novas mortes
FOTO: Marcelo Camargo / Agência-Brasil VACINA NO MS - CORONAVÍRUS
VACINAÇO: Estado alinha com municípios, mutirão para aplicar 275 mil doses contra Covid em 07 dias
TRISTE REALIDADE
FALTANDO CHUVA: Rio Miranda sofre com assoreamento e corre risco de 'secar'