Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 4 de junho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
CORONAVÍRUS NO MS

Segunda pior taxa de isolamento registrada em MS foi na véspera de dia das mães

Segunda pior taxa de isolamento registrada em MS foi na véspera de dia das mães

10 Mai 2020 - 13h33Por Mireli Obando - SUBCOM

A véspera do dia das mães foi de grande movimentação nas ruas de Mato Grosso do Sul. Historicamente essa é a segunda principal data para o comércio, e apesar dos riscos oferecidos pelo novo coronavírus, o sábado (9.5) registrou taxa média de isolamento social de apenas 38,7%.

Para se ter uma ideia, esse é o segundo menor índice de todos sábados monitorados desde os primeiros casos confirmados da doença no Estado no dia 14 de março, quando o isolamento social foi de 36% para o dia da semana. 

Desde então, os sábados seguintes registraram adesão um pouco maior ao distanciamento social: 21 de março (51%), 28 de março (54%), 4 de abril (56,7%), 11 de abril (47,7%), 18 de abril (46,2%), 25 de abril (46,4%) e 2 de maio (56,1%).

Apesar do apelo diário das autoridades estaduais de saúde, os dados mostram um certo relaxamento da medida que atualmente é considerada a principal forma de reduzir o contágio do vírus em todo mundo: o isolamento social. “O único remédio é o isolamento social”, segue afirmando o secretário de saúde, Geraldo Resende.

Histórico de isolamento da Capital

Campo Grande registrou adesão de apenas 38,4% neste sábado, mantendo o mesmo patamar dos outros dias dessa semana. As regiões mais movimentadas da Capital para o dia foram: Nascente do Segredo (24,4%), Seminário (25%), Jardim Tarumã (25%), Maria Aparecida Pedrossian (26%) e Moreninha (26,2%).

Nos municípios do interior do Estado a maior movimentação foi registrada em: Bodoquena (30,2%), Juti (32,6%), Rochedo (33%), Ivinhema (33,4%), Miranda (33,7%). O ranking das cidades sul-mato-grossenses mapeado pela In Loco neste sábado pode ser conferido aqui.

Coronavírus em números

Boletim epidemiológico atualizado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) neste domingo (10.5) mostrou avanço de 16 novos casos confirmados, ou seja, um aumento de 4,6% nas últimas 24 horas. De maneira macro, o Estado contabiliza 362 confirmados e 11 óbitos. Detalhamento do boletim está disponível em www.coronavirus.ms.gov.br .

Durante live diária nas redes sociais a SES destacou que a interiorização dos casos é uma nova realidade em Mato Grosso do Sul, e reforçou mais uma vez a importância do distanciamento social para frear o contágio da Covid-19.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSUSTADOR E REAL NO BRASIL
Com uma morte por minuto, Brasil registra 1.349 mortes por coronavírus nas últimas 24h, novo recorde
VICENTINA - BOLETIM COVID-19
Vicentina não registra novos casos nas últimas 24h e já tem 13 pacientes recuperados de Covid-19
COVID-19 EM IVINHEMA
Confira o quadro de COVID -19 no município de Ivinhema
AUXILIO DOENÇA
Como pedir concessão e prorrogação do auxílio-doença durante pandemia
FÁTIMA DO SUL - MAPEAMENTO DOS INFECTADOS
Fátima do Sul tem mais 99 casos suspeitos, Confira onde estão os 115 casos confirmados no município
1º CASO NO BRASIL
Paciente recuperada de coronavírus no Piauí volta a ter teste positivo
VITIMAS DA COVID 19
Mãe, avó e irmão de jovem morrem por covid-19: 'essa doença é horrível'
EMPERRADOS
Com 1.404 casos suspeitos ‘emperrados’ nos municípios, boletim de Covid-19 em MS pode ter distorção
CONTÁGIO ESPALHANDO
MS tem recorde com 156 novos casos em 24 horas e atinge 1.802 positivos
FÁTIMA DO SUL - ALARMANTE
Com 45 novos casos Fátima do Sul sobe para 115 confirmados da Covid-19