Menu
SADER_FULL
quinta, 9 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
SOS DOURADOS

Secretário alerta para colapso na saúde de Dourados em julho

"Guia Lopes da Laguna fez o dever de casa, rastreando as pessoas com a doença e todas aquelas que tiveram contato com os pacientes"

29 Jun 2020 - 09h23Por 94 FM

Dourados corre eminente risco da saúde colapsar no mês de julho. A informação é do secretário de estado de saúde, Geraldo Resende. Em visita a 94FM na manhã deste sábado, ele disse que cabe a prefeita Délia Razuk tomar decisões para evitar a disseminação do vírus na cidade.

Entrevistado por Marçal Filho, o secretário alertou sobre um grave problema que vem acontecendo na cidade: falta de monitoramento das pessoas infectadas com coronavírus. "Guia Lopes da Laguna fez o dever de casa, rastreando as pessoas com a doença e todas aquelas que tiveram contato com os pacientes", disse ele, explicando  o motivo da cidade de 10 mil habitantes reduzir os casos.

De acordo com Geraldo Resende, falta uma mobilização das equipes de saúde para monitorar os pacientes em Dourados. "Se uma pessoa do bairro Cachoeirinha está com a doença, o posto de saúde daquela região tem que monitorar", explicou o secretário. 

Essa foi uma recomendação, inclusive, do Ministério Público Estadual à prefeitura, que ficou de ajustar. No entanto, a prefeitura não estaria cumprindo. Durante a entrevista,  vários ouvintes entraram em contato com a 94FM para relatar que o acompanhamento não está ocorrendo.

O secretário elogiou o decreto do prefeito Donato Lopes, de Rio Brilhante, que na sexta-feira  iniciou o lockdown na cidade. O município é o terceiro do Estado com mais registros da doença.

Dourados reúne condições de  lockdown e quem confirma é a médica infectologista Mariana Croda.  Superintendente-geral de Atenção à Saúde da Secretaria Estadual de Saúde, ela diz que, o que se leva em conta para essa medida extrema são fatores como a incidência da doença, a capacidade de serviços de saúde, de profissionais e diagnóstico. 

E Dourados reúne estas condições. Além da cidade ser o epicentro da doença no estado, a microrregião também apresenta grande índice da doença e Dourados é suporte para 33 municípios da região sul. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TESTES COVID-19
Testes particulares de Covid-19 custam de R$ 139 a R$ 400, veja a pesquisa
JATEÍ - NA PANDEMIA
JATEÍ faz distribuição de cestas básicas as famílias dos alunos de baixa renda e em vulnerabilidade
100 ISOLAMENTO
Inocentes vão morrer por causa de desobedientes, desabafa prefeito
FRIO E PANDEMIA
O que dá para comprar com o auxílio: famílias de Campo Grande relatam drama de morar em favela
DOURADOS - PANDEMIA
Em meio a pandemia, mais de 100 merendeiras da Rede Municipal são demitidas em Dourados
BORA PRA BONITO - MS???
Bonito (MS) irá operar com tarifa de baixa temporada até 18 de dezembro e descontos de até 60%
BONITO - MS - REABERTURA COM SEGURANÇA
Hotel Águas de Bonito te espera com toda segurança e responsabilidade, bora pra Bonito (MS)?
TODOS CONTRA A COVID-19
Com o Painel Mais Saúde, Governo divulga informações do cenário da pandemia no Estado
DOURADOS - NO COMBATE AO COVID-19
Epicentro da Covid-19 em MS, Dourados alinha ações com o Estado
MS - 134 MORTES
MS passa de 11 mil casos confirmados e 134 mortes pelo novo coronavírus