Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 2 de dezembro de 2020
SADER_FULL
Busca
JUNINHO DENTISTA NOVO
Mais Médicos

Profissional cubano do programa "Mais Médicos" é encontrado morto em Brasília

1 Abr 2014 - 07h56Por Yahoo

Um médico cubano contratado dentro do programa "Mais Médicos" foi achado morto nesta segunda-feira em um hotel de Brasília, aparentemente após cometer suicídio, segundo informaram as autoridades.

O Ministério da Saúde, responsável pela contratação dos médicos do programa, não revelou até agora a identidade do profissional de 52 anos, que estava hospedado no Hotel Nacional e foi achado enforcado com um lençol.

Segundo o Ministério, o cubano ainda não atendia pacientes por estar dentro de um dos períodos do curso de adaptação prévio para os profissionais estrangeiros que fazem parte do programa.

A 5ª Delegacia da Polícia Civil no Distrito Federal de Brasília indicou que investiga os fatos e a principal hipótese das autoridades é de que o médico cubano cometeu suicídio e que membros da Embaixada cubana em Brasília acompanham as investigações.

O transporte do corpo para Cuba será realizado pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPS), organismo através do qual o Brasil contrata os profissionais do país caribenho.

Com o programa "Mais Médicos", criado para melhorar a precária assistência na rede de saúde pública em cidades isoladas e pobres, o governo brasileiro contratou até agora cerca de 9.420 médicos estrangeiros, dos quais cerca de 70% procedem de Cuba.

Alguns dos profissionais cubanos abandonaram os postos de trabalho, aparentemente com a intenção de se mudar para outros países, e muitos questionam porque o governo de Havana não lhes entrega todo o salário pago pelo Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - COVID-19
Perto do colapso, região de Dourados tem 1 UTI para cada 50 mil pessoas
BRASIL - 173.229 MORTES
Casos e mortes por coronavírus no Brasil: 1° de dezembro, segundo consórcio de veículos de imprensa
100 LEITOS
Com 100% de leitos UTI Covid ocupados, Ponta Porã sofre risco de "improvisar atendimento"
AIDS
No Dia Mundial da Luta Contra a Aids, SES destaca importância da conscientização e prevenção
CORONAVÍRUS NO MS
Secretaria de Estado de Saúde articula ampliação de 60 leitos de UTIs em Mato Grosso do Sul
COVID-19 DISPAROU
Brasil precisa levar o aumento de casos de Covid-19 a sério, alerta OMS
QUASE 100 MIL
MS já soma 99.061 casos confirmados e tem 1.769 mortes por coronavírus
REFORÇO NO COMBATE A COVID-19
Governo de MS abre processo seletivo para 80 profissionais de saúde para o Hospital Regional
MS - 1.766 MORTES
Secretaria confirma mais 758 casos e 9 mortes por covid-19; internações mais que dobram
Com mais 123 exames positivos para coronavírus (Covid-19) nas ultimas 24 horas, FÁTIMA DO SUL - BOLETIM COVID-19
SINAL VERMELHO: Mais 20 casos são confirmados e 112 suspeitos nas últimas 24h em Fátima do Sul