Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 3 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
TRI GÊMEOS

Mulher 'infértil' dá à luz gêmeos três vezes seguidas

Aos 19 anos, Olga Akopyan ouviu de um médico, após exames, que era infértil. Mas, pouco depois, ela desafiou o diagnóstico e engravidou naturalmente.

14 Ago 2019 - 09h16Por Daily Mirror

Aos 19 anos, Olga Akopyan ouviu de um médico, após exames, que era infértil. Mas, pouco depois, ela desafiou o diagnóstico e engravidou naturalmente. Teve uma menina.

Já seria um enorme feito para quem já começava a se acostumar a não ser mãe. Mas a Olga, moradora de Khimki (Rússia), surpreendeu novamente. De forma natural, ela engravidou de gêmeas: Christina e Karina.

E não parou por aí: a armênia deu à luz gêmeos mais duas vezes seguidas. Na primeira, nasceram Garik e Anastasia.

O último par de gêmeos - Aurora e Gaspar - nasceu recentemente, tendo Olga 31 anos: um menino e uma menina, que ainda estão em maternidade.

Cinco primeiros filhos de Olga, com dois apres de gêmeos

Cinco primeiros filhos de Olga, com dois apres de gêmeos Foto: Reprodução

Nenhuma gravidez foi resultado de fertilização in vitro ou inseminação. Mais: ela e o marido, também armênio, não têm histórico de gêmeos na família.

Olga, que trabalha no ramo da microbiologia, afirmou, de acordo com reportagem do "Daily Mirror", que pretende ter mais filhos. E, segundo médicos, a chance de virem gêmeos é alta.

Os nascimentos foram celebrados pela comissária de Direitos da Criança de Moscou, Ksenia Mishonova, mas ainda não há explicação médica para o caso da armênia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS NO MS
Ministério da Saúde entrega equipamentos e leitos no combate ao covid-19 em Mato Grosso do Sul
ASSASSINATO
Mulher é encontrada morta e sem roupa; ex-marido é procurado
CORRUPÇÃO NA SAUDE
MP aponta 'vergonhosa fraude' e aciona prefeito a devolver R$ 4,136 milhões
COVID-19 EM ANGÉLICA
Delegado de Angélica é internado em UTI após contaminação por coronavírus
MS - 421 MORTES
Número de mortes por coronavírus chega a 421 no Mato Grosso do Sul
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
Com 01 na UTI e 4 em tratamento hospitalar, novos casos de covid-19 são confirmados em Fátima do Sul
MAIOR LETALIDADE
Mato Grosso do Sul tem alta de 62% na média de mortes e casos de Covid-19, maior do país
DOURADOS - 57 MORTES
Dourados confirma o 57º óbito e chega a 4.357 casos registrados desde o início da pandemia
MS - 404 MORTES
Taxa de letalidade da covid continua crescendo e MS ultrapassa 400 mortes
FAKE NEWS
É falso que Hospital da Sias recebe R$ 18 mil por cada óbito registrado como covid-19