Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 31 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
DESIDRATAÇÃO FATAL

Médico: Fazer exercícios em tempo seco é brincar com a morte

O médico Werley Peres relata que é comum as pessoas terem hipotensão por desidratação ao fazer atividades físicas intensas.

7 Set 2020 - 16h45Por Repórter MT

A Capital Cuiabá vive um período conhecido de intenso calor e falta de umidade. O clima se assemelha ao deserto, o que torna práticas como a de exercícios físicos um risco para vida da população, apontam os especialistas. Em conversa com o , o médico da família Werley Peres, explicou que durante o exercício a pessoa pode ter um mal súbito e morrer, decorrente de uma desidratação.

“Desidratação pode matar. Alguém pode morrer com uma parada cardiorrespiratória e com esforço intenso. A chance é pequena, mas existe, e não se pode brincar”, afirma Werley.

Apesar da possibilidade de morte ser pequena, as chances de mal estar são altas. O médico relata que é comum as pessoas terem hipotensão por desidratação ao fazer atividades físicas intensas.

“Desidratação pode matar. Alguém pode morrer com uma parada cardiorrespiratória e com esforço intenso. A chance é pequena, mas existe, e não se pode brincar”, afirma Werley.

“Qualquer atividade física mais intensa a pessoa pode passar mal. Ela vai sentir uma secura na garganta, tontura, um mal estar geral. Está tão seco que a pessoa desidrata, tem a sudorese [suor], e nem percebe porque vai evaporando”, descreve o médico.

Recomendações

Para aquelas pessoas que não conseguem, temporariamente, deixar o exercício de lado, o médico aconselha atividades de baixo impacto, como uma caminhada leve, de no máximo 30 minutos. Os horários recomendados para praticar são as primeiras horas da manhã, quando o sol ainda não saiu, ou os primeiros horários da noite.

Para manter-se hidratado, além da grande ingestão de água, outra forma de amenizar os impactos da falta de umidade é utilizar vaporizadores de ambiente. Para quem não possuí o equipamento, pode optar-se por colocar um balde de água, ou uma toalha molhada no local.

A dica também é evitar bebidas diuréticas como café e cerveja, ou derivados alcoólicos, que estimulam a desidratação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA AINDA NÃO ACABOU
Pandemia avança e MS registra 555 novos casos de Coronavírus em apenas 24h
DIA DE FINADOS - PREVENÇÃO
Dia de Finados não contará com atividades religiosas no cemitério de Fátima do Sul
MUNDO - 1.1 MILHÃO DE MORTOS
Mundo registra mais de meio milhão de casos da Covid-19 em apenas um dia e bate novo recorde
ANTICORPOS
Bebê nasce com anticorpos contra covid-19
MS - 1.581 MORTES
MS registra 410 novos casos de covid-19 em 24 horas e secretário reforça atenção para dia de Finados
VAGAS DE EMPREGO
Governo do Estado divulga resultado de seletiva Simplificado para contratação de médicos legistas
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa deposita auxílio emergencial nesta 5ª feira para nascidos em novembro
FOI MAL
Bolsonaro recua e revoga decreto que facilita privatização dos postos do SUS
90% RECUPERADOS
Brasil tem 158,4 mil mortes por covid-19 desde início da pandemia
PANDEMIA
Dourados registra 85 casos de Covid e mantém alta em média de confirmações