Menu
SADER_FULL
sábado, 15 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
AVANÇO DO COVID 19

Festas, cultos e encontros familiares são responsáveis por avanço do coronavírus em MS

Secretário detalhou avanço da doença em cidades do interior

8 Mai 2020 - 14h13Por Topmidia news

A aparente situação de controle sobre o novo coronavírus em Mato Grosso do Sul corre o risco de estar com os dias contados. Isso por conta do constante desrespeito aos pedidos das autoridades pelo isolamento social.

Segundo o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, festinhas, cultos e encontros familiares são responsáveis pelo salto no número de casos da doença desde o boletim epidemiológico de ontem (6).

Ele destacou um culto realizado no distrito de Nova América, em Caarapó, onde duas pessoas de São Paulo estiveram em uma reunião com 30 a 40 pessoas. Todas agora estão em quarentena. “Vamos ter que realizar a triagem e fazer exames casa algum tenha sintomas”.

Durante live nas redes sociais hoje (8), Resende ainda citou a contaminação de funcionários de um frigorífico em Guia Lopes da Laguna. A unidade vai ter que dar férias coletivos a cerca de 400 colaboradores. “Isso tem um impacto muito grande na economia do município”.

O secretário também pediu atenção par os asilos. “Temos que cuidar dos nossos idosos, infelizmente nessa idade, [a doença em] pessoas acima de 60 anos tem alto grau de letalidade”, completou.

Dados

Mato Grosso do Sul chegou a 311 casos confirmados e 32 suspeitos da covid-19, com crescimento de 23 casos positivos desde o boletim epidemiológico de ontem (6). As informações são da SES (Secretaria de Estado de Saúde).

Dos 311 casos confirmados, 93 estão em isolamento domiciliar, 189 estão curados e 22 estão internados, sendo 14 em hospitais públicos e oito em hospitais privados. Dois pacientes internados são procedentes de fora do Estado e um é de fora do País. Foram registrados dez mortes.

Desde o dia 25 de janeiro, foram registradas 3.308 notificações de casos suspeitos do novo coronavírus em Mato Grosso do Sul. Destes, 2.944 foram descartados após os exames darem negativo para Covid-19 e 21 foram excluídos por não se encaixarem na definição de caso suspeito do Ministério da Saúde.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - UNIGRAN
Acadêmico de Fisioterapia da UNIGRAN tem trabalho publicado em revista de âmbito internacional
CORONAVIRUS EM CAMPO
20 Jogadores do CSA testam positivo e CBF adia jogo do Cuiabá em Maceió
NOVOS CAMINHOS
Vicentinense faz um relato emocionante de sua libertação do mundo das drogas
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Governo do Estado distribui cobertores e máscaras para famílias carentes
COVID-19
Prefeito de Ponta Porã testa positivo para o novo coronavírus
100 RISCO
OMS minimiza risco de novo coronavírus entrar na cadeia alimentar
VOLTA AS AULAS
Nas redes, pais criam grupo e reclamam de retorno das aulas nas particulares de Campo Grande
SENADORA SIMONE TEBET
Simone quer garantir que recursos destinados ao enfrentamento da covid-19 possam ser usados até 2021
SAUDE DE FERRO
Mulher de 107 anos sobrevive ao Coronavírus e à Gripe Espanhola
VACINAÇÃO
SES oferta vacina pneumocócica para pacientes de risco maiores de cinco anos