Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 27 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
100 TRATAMENTO

"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19

"[Contra o] vírus não tem remédio ainda. Não há um antiviral para a covid-19. [] Não é o remédio de vermes, não é o remédio de malária. Até porque os que tomaram esse remédio, muitos estão no cemitério e há os que estão nos hospitais internados",

20 Jan 2021 - 15h54Por Ric Mais

O suposto “tratamento precoce” é a defesa, sem embasamento científico, feita pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Eles alegam, sem provas, que o uso de medicamentos como a cloroquina, a hidroxicloroquina e a ivermectina seriam eficazes na prevenção da covid-19. Nesta semana, porém, Pazuello negou ter indicado esses tratamentos. Neste mês, o ministério lançou um aplicativo que incentiva a prescrição desses medicamentos contra o novo coronavírus.

“[Contra o] vírus não tem remédio ainda. Não há um antiviral para a covid-19. […] Não é o remédio de vermes, não é o remédio de malária. Até porque os que tomaram esse remédio, muitos estão no cemitério e há os que estão nos hospitais internados”, disse o prefeito de Curitiba

A Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) e a Associação Médica Brasileira (ABM) emitiram nota conjunta nesta terça-feira, 19, para rechaçar a existência de um “tratamento precoce” contra o coronavírus. No texto, as entidades também afirmam que “a desinformação dos negacionistas” piora a “devastadora situação da pandemia em nosso País”.

Presidente Jair Bolsonaro com caixa de cloroquina do lado de fora do Palácio da Alvorada

Vacinação em Curitiba

A enfermeira Silvana Maria Bora, da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Boa Vista, foi a primeira moradora de Curitiba a receber a vacina Coronavac dentro do programa municipal de imunização.

O ato que marcou o início da vacinação na cidade foi realizado nesta quarta-feira (20), no Centro de Eventos Positivo, no Parque Barigui, chamado pelo prefeito Rafael Greca de “pavilhão da cura”.

Nesta quarta-feira, cerca de 250 profissionais da linha de frente foram vacinados, além de idosos que moram em casas de longa permanência, que serão imunizados in loco.

A expectativa da SMS é imunizar 12 mil profissionais de saúde nesta primeira fase.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA MÚSICA
Sambista, ela era um dos principais nomes da música morre de Covid aos 49 anos
Até na chuva clamor por médico é realizado - Crédito: Reprodução Facebook LUTA PELA VIDA
COM COVID, Médico em estado grave recebe orações diárias em frente a hospital em MS
DIAS TERRÍVEIS
'Vamos viver dias terríveis': MS chega a média de 850 casos por dia e internações aumentam
DOURADOS - UNIGRAN
Com exames gratuitos para mulher, UNIGRAN recebe Unidade Móvel do Hospital de Amor em março
TOQUE DE RECOLHER
Governo prorroga toque de recolher e restrições seguem até 12 de março
AÇÕES DO GOVERNO MS
Parceria vai levar assist. documentação e benef. para 8 comunidades ribeirinhas na região pantaneira
VACINAS POR MUNICÍPIOS
Confira quantas doses de vacina contra a Covid cada município está recebendo neste 5º lote em MS
ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Covid-19: Brasil registra 1.541 mortes em 24 horas
CASO RARO
Filhote de cachorro nasce com seis patas e duas caudas
TRISTEZA NA FAMILIA
Pai e filho morrem de Covid-19 com poucas horas de diferença