Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 30 de novembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Cartórios eleitorais

Termina hoje prazo para regularizar título de eleitor a tempo para eleições

7 Mai 2014 - 10h34Por Folha

O prazo para quem precisa emitir o título eleitoral ou pedir transferência de domicílio para votar nas eleições deste ano termina nesta quarta-feira (7).

Também termina hoje o prazo para normalizar o título em situação irregular por ausência não justificada nas últimas votações e para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida pedir a transferência para uma seção especial com fácil acesso.

Os eleitores que não regularizarem o documento podem ter o título cancelado. O voto é obrigatório para todos os brasileiros alfabetizados entre 18 e 70 anos e facultativo para quem é analfabeto, tem 16 ou 17 anos e mais de 70.

O primeiro turno da eleição acontece em 5 de outubro, e o segundo no dia 26 do mesmo mês. Os eleitores votarão para presidente, governador, senador, deputado estadual, deputado federal e distrital.

O eleitor que tiver o título cancelado não pode obter carteira de identidade e passaporte. E não pode renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo. Também não pode obter empréstimo em instituições financeiras governamentais.

Se o eleitor deixou de votar no primeiro e no segundo turno de uma mesma eleição, serão contadas duas eleições para efeito de cancelamento. Também são contabilizadas ausências às urnas em eleição suplementar, quando é marcada uma nova eleição, e em referendo.

Aqueles que vão tirar o título pela primeira vez devem levar um comprovante de residência e um documento oficial de identificação com foto –carteira de motorista e passaporte não são aceitos. Homens com 18 anos ou mais também precisam levar o certificado de quitação do serviço militar.

Para realizar os procedimentos, o eleitor deve comparecer ao cartório eleitoral mais próximo de sua casa. Os endereços podem ser encontrados aqui.

TRANSFERÊNCIA

Para transferir o domicílio, o eleitor precisa levar o documento oficial com foto, o comprovante de residência e o título de eleitor.

O interessado precisa cumprir ainda uma série de requisitos. Ele deve morar no atual endereço há pelo menos três meses e não pode ter realizado outra transferência no último ano, além de estar quite com a Justiça Eleitoral.

REGULARIZAÇÃO

Para ficar quite com a Justiça Eleitoral, o eleitor deve comparecer ao cartório eleitoral com documento oficial com foto, título eleitoral, comprovantes de votação, de justificativa eleitoral e o pagamento de multa de R$ 3,50 por turno que deixou de votar.

Para consultar se o título está regular com a Justiça Eleitoral, o eleitor pode consultar a página do TSE na internet na opção "serviços ao eleitor".

Os eleitores que não conseguirem regularizar a situação e perderem o título devem fazer um novo o documento após seu cadastro ser cancelado na Justiça Eleitoral.

ELEITOR COM DEFICIÊNCIA

No caso do eleitor com deficiência, é preciso levar o documento de identidade, o comprovante de residência, e um laudo médico que mostre a necessidade da mudança. Segundo o TSE, pessoas com deficiência que o cumprimento das obrigações eleitorais seja impossível ou extremamente oneroso também não terão o título cancelado.

ELEITOR NO EXTERIOR

O eleitor que estiver no exterior deve ir até a repartição consular ou Embaixada do Brasil que atenda sua localidade com documento oficial de identificação. Também pode ir a qualquer cartório eleitoral ou central de atendimento ao eleitor quando retornar ao Brasil.

BIOMETRIA

O eleitor que não fez o recadastramento nas cidades em que utilizarão urnas eletrônicas com leitor biométrico está com a situação irregular e não poderá votar este ano.

O leitor biométrico acoplado à urna eletrônica confirma a identidade de cada eleitor, comparando o dado fornecido (impressões digitais) com o banco de dados disponível. A medida torna praticamente inviável a tentativa de fraude na identificação do eleitor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Em Caarapó, Reinaldo Azambuja inaugura indústria com 300 empregos e entrega reforma de escola
PÁTIO ZERO
VEJA COMO PARTICIPAR: Detran-MS abre três leilões com mais de 700 motocicletas nesta terça-feira
NOTA MS PREMIADA
SERÁ QUE FOI VOCÊ: Mais de R$ 640 mil ainda não foram resgatados do Nota MS Premiada
VALORIZAÇÃO
Salários dos mais de 79 mil servidores estaduais será depositado nesta sexta e disponível no sábado
PREFEITO
Sul Mato grossense perfumeiro desbanca atual prefeito e vence eleição em Foz do Jordão-PR
JAIME VERRUCK. Secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar de Mato Grosso do Sul - Álvaro Rezende/Correio do Estado RELAÇÃO COMERCIAL
"A China é um mercado prioritário para MS", diz secretário
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com delegacia virtual, Governo amplia combate a violência contra as mulheres
Política
Estado de MS destina novos equipamentos de borrifação aos municípios no combate ao Aedes Aegypti
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Reinaldo entrega 420 equipamentos de combate ao mosquito Aedes aegypti e destaca sintonia no combate
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS entrega veículos para potencializar produção de erva-mate na faixa de fronteira